Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

14/03/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Loja de móveis de Mogi é investigada sob suspeita de estelionato

Consumidores reclamam que loja não entregou os móveis já pagos. O estabelecimento está fechado há alguns dias.

A Polícia Civil de Mogi das Cruzes, na Região Metropolitana de São Paulo, investiga uma suspeita de estelionato envolvendo a loja de móveis Santa Fé, que fica na região central da cidade.

O Diário TV mostrou o caso nesta quinta-feira (14). Consumidores registraram boletins de ocorrência depois de terem vários problemas. Em alguns casos, os clientes não reberam os móveis que foram pagos.

Já uma consumidora diz que a loja está cobrando um valor maior do que está no contrato. O delegado Marcos Batalha informou que já começou a colher o depoimento dos consumidores lesados.

A dona de casa Maria Antônia de Jesus Firmino disse que as cobranças não param de chegar. O problema dela começou em abril do ano passado, quando comprou um sofá. O móvel custou pouco mais de R$ 2 mil. Ela disse ter dado entrada e parcelado o restante em 10 vezes. O problema, segundo a dona de casa, é que vieram duas parcelas a mais. "Eles falaram que dariam um jeito na situação, mas até agora não resolveram nada. A gente fica muito aborrecida com isso", diz a dona de casa.

A representante comercial Bruna de Paula Silva também procurou a polícia para denunciar a loja. Ela diz que fez uma compra de R$ 4,8 mil em outubro de 2012, mas, segundo ela, os móveis nunca foram entregues."Eu espero que eles devolvam meu dinheiro porque os móveis eu não quero mais", desabafa Bruna.

Outro lado

A loja está fechada e na porta existe um cartaz dizendo que o local está "fechado para balanço". A produção do Diário TV entrou em contato com o escritório de advocacia que está cuidando do caso, mas não obteve resposta.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 127 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal