Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

29/10/2007 - Gazeta Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpistas causam prejuízo de R$ 33 mil no comércio do Estado com cartões clonados

Por: Eduardo Santos


Três golpistas do Rio de Janeiro causaram um prejuízo de R$ 33 mil a correntistas capixabas. Seis pessoas que tiveram seus nomes usados no crime foram identificadas. Na sexta-feira, os policiais da Divisão de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) prenderam Leonardo Portela Geraldo, conhecido como Ferrugem, 33 anos, no momento em que ele tentava aplicar o golpe em um shopping da Grande Vitória. Um comparsa dele que estava do lado de fora acompanhando o movimento fugiu e alertou um outro suspeito que estava hospedado em uma pousada de Guarapari.

De acordo com o delegado Danilo Bahiense, os golpistas instalaram em caixas eletrônicos aparelhos conhecidos como “chupa cabra” que permitiu que os suspeitos tivessem acesso às contas e senhas das vítimas. De posse dessas informações, eles compraram diversos aparelhos eletrônicos, locaram veículos e se hospedaram em hotéis. O golpe foi aplicado em Vitória, Vila Velha, Guarapari e Cachoeiro de Itapemirim.

A polícia tentou durante o final de semana localizar os suspeitos Rafael Ramos e Celso Brasil Júnior. Os dois agiram rápido e devolveram um carro que foi locado em uma empresa perto do Aeroporto de Vitória. O delegado Danilo Bahiense afirmou que a empresa não contribuiu com a polícia permitindo que os dois fugissem de avião para o Rio de Janeiro.

“Se a empresa tivesse dado informações no momento em que eles entregaram o carro, nós poderíamos prendê-los em flagrante e evitar que eles continuem a aplicar o golpe em outros estados. É uma quadrilha organizada que certamente age no Brasil inteiro”, disse.

A polícia conseguiu imagens do circuito interno de alguns estabelecimentos comerciais por onde os bandidos passaram. O delegado Danilo Bahiense pediu à Justiça a decretação da prisão dos dois suspeitos que fugiram. Leonardo Portela Geraldo foi autuado em flagrante por estelionato. Os golpistas fizeram diversas compras usando cartões de crédito ou debitando diretamente da conta dos correntistas. O delegado acredita que os bandidos estavam agindo há semanas no Estado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 1205 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal