Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

09/01/2013 - Portal AZ / Agência Estado Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Absolvido, Duda Mendonça pede desbloqueio de bens

Publicitário e sócia tiveram os bens bloqueados durante o escândalo do mensalão por suspeita de envio ilegal de recursos ao exterior.

Absolvidos da acusação de envolvimento com o mensalão, o publicitário Duda Mendonça e sua sócia Zilmar Fernandes pediram na segunda-feira o desbloqueio de seus bens ao Supremo Tribunal Federal (STF). O bloqueio havia sido determinado no decorrer do processo pelo relator do caso, ministro Joaquim Barbosa.

Os advogados de Duda Mendonça e Zilmar Fernandes argumentam, no pedido, que o desbloqueio é uma consequência lógica da absolvição de ambos das acusações de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Segundo o Ministério Público Federal, o dinheiro enviado ao exterior se refere ao pagamento pelos serviços de Duda na campanha de Lula em 2002. O bloqueio havia sido pedido para assegurar a quitação da dívida do publicitário com a Receita Federal, calculada em 30 milhões de reais. A defesa dos réus, entretanto afirma que a dívida é de 7 milhões de reais. Relator do processo, Joaquim Barbosa deferiu o pedido de bloqueio dos bens em 2006.

Em 2008, antes do julgamento, Duda Mendonça tentou reverter a decisão e desbloquear seus bens. Ele argumentava que metade dos 7 milhões de reais devidos já havia sido paga à Receita. O restante, de acordo com ele, estaria em discussão na esfera administrativa.

Além disso, ele argumenta que necessita desbloquear os bens imóveis, pois sua empresa precisava vendê-los para ter uma "sobrevida financeira" e se livrar da falência. Joaquim Barbosa negou o pedido.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 91 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal