Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

20/02/2013 - O Estado de Minas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Trio é preso ao tentar pegar empréstimo de R$ 60 mil com documentos falsos na Grande BH

Por: João Henrique do Vale

Um dos integrantes da quadrilha já tinha passagens por estelionato e era procurado pela polícia.

Três pessoas foram presas na tarde desta quarta-feira depois de tentar abrir um conta no Banco do Brasil e pedir um empréstimo de R$ 60 mil. A movimentação bancária foi pedida no fim de janeiro, mas somente hoje o gerente foi consultar os documentos para aprovar os valores e desconfiou que era falso. O homem que havia pedido o dinheiro, já era procurado na região por praticar diversos crimes de estelionato.

O gerente da agência, localizada na Rua Tapajós, no Bairro Industrial, acionou a polícia depois de verificar os documentos da pessoa que solicitou a abertura da conta. “O funcionário suspeitou do homem. Ao ver a foto do xerox da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) não batia com a pessoa. Quando vimos o documento, já sabíamos de quem se tratava e fomos até o endereço dele”, afirma o soldado Augusto Aires.

O suspeito, Francisco Eustáquio Martins, de 46 anos, já tinha diversas passagens pela polícia por estelionato. Além disso, era investigado pela Polícia Civil. Quando os militares chegaram no endereço, encontraram com o homem na porta da casa. “O abordamos e ele franqueou nossa entrada no imóvel. Dentro de um carro, encontramos diversos cartões de banco, de lojas e documentos de terceiros que haviam sido extraviados. Também havia documentos que comprovavam a abertura de contas e de crediários”, conta o soldado.

Nesses documentos constavam os nomes de outras duas integrantes da quadrilha. Jaqueline de Jesus Souza, de 34, e Janete de Jesus, que também acabaram presas.

A PM ainda não sabe o prejuízo causado pelo grupo. Mas já se sabe que eles pediram um empréstimo de R$ 60 mil, porém não receberam o dinheiro. “Eles desistiram no meio da transação, pois já desconfiavam que estavam sendo monitorados pela polícia”, explica Aires. Os presos foram levados para a delegacia onde serão ouvidos.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 103 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal