Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

21/02/2013 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Servidor de prefeitura na BA é suspeito de desvio de R$ 500 mil

Loja de roupas era usada como fachada em São Francisco do Conde. Um homem foi preso e apresentado pela polícia em Salvador.

Um servidor da Prefeitura de São Franciso do Conde, a cerca de 66 km de Salvador, teria participado do esquema de estelionato desmontado pela Polícia Civil na quarta-feira (20). Segundo a PC, o golpe lesou o órgão municipal em R$ 500 mil. Ele teve a prisão preventiva decretada e está sendo procurado pela polícia.

Um outro homem, que seria o cúmplice do funcionário, foi preso na quarta-feira e apresentado nesta quinta-feira (21), na sede da Polícia Civil, em Salvador. De acordo com investigadores da 21ª Delegacia Territorial, ele é proprietário de um estabelecimento de vendas de roupas no centro de São Francisco do Conde, usado como fachada para que fosse utilizado de forma fraudulenta o cartão corporativo da prefeitura.

O cartão era disponibilizado para compras de servidores municipais de São Francisco do Conde em estabelecimentos conveniados à Prefeitura.

Segundo os investigadores, como conhecia as senhas para alteração do sistema do setor de pagamentos do órgão municipal, o servidor da prefeitura "aumentava o valor do limite do cartão corporativo e efetuava compras no estabelecimento" do outro suspeito. Os valores eram debitados na folha de pagamento dos servidores, informou o delegado Bruno Oliveira, que investiga o caso.

O esquema só foi interrompido após a Prefeitura de São Francisco do Conde perceber as distorções nos valores na folha de pessoal, que estavam dobrados. A Procuradoria do Município denunciou a irregularidade à Polícia Civil, que iniciou as investigações.

Durante a operação da PC foram apreendidos documentos, pen drives, computadores e máquinas de cartões de crédito da loja usada como fachada. O material será periciado no Departamento de Polícia Técnica (DPT). A participação de outros envolvidos na fraude também é investigada pela polícia.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 76 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal