Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

10/10/2012 - O Dia Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ipem apreende rolo de selos falsos do Inmetro e 6.650 produtos em lojas do Centro do Rio


Rio - Fiscais do Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Rio (Ipem-RJ) flagraram ontem loja de produtos chineses que estocava rolos falsos de selos do Inmetro. O material seria usado para falsificar o selo de qualidade do instituto. A blitz ocorreu durante operação conjunta do Ipem com a Receita Federal e a Polícia Militar, na Saara, no Centro da cidade. Foram confiscados 6.650 brinquedos com erro, entre 42.674 fiscalizados durante a ronda.

“A existência desses selos é muito preocupante. Todo o material apreendido, inclusive os selos, veio aqui para o Ipem-RJ para que seja analisado”, conta a presidente do instituto, Soraya Santos. De acordo com ela, caso seja constatada a irregularidade, será aberto um inquérito administrativo. O ocorrido também será encaminhado para a delegacia antipirataria para que as medidas legais sejam tomadas e os responsáveis punidos dentro da lei.

Quem que tiver dúvidas quanto à venda de brinquedos ilegais pode ligar para a ouvidoria do Ipem-RJ em 0800-282-3040, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

A ação, chamada de “Criança Feliz”, teve início no dia 24 de setembro e tem a finalidade de coibir a venda de produtos irregulares, assim como checar se os brinquedos estão de acordo com normas estabelecidas por lei. Desde que começou rondas, a operação fiscalizou 86 estabelecimentos e encontrou 10.487 brinquedos com algum tipo de erro.

Atenção começa na prateleira

A presidente do Ipem-RJ recomenda cuidados na ida às compras para presentes do Dia das Crianças: “Verificar a identificação do fabricante, do importador e as advertências quanto ao seu uso, que devem estar em local visível, com letras legíveis e em língua portuguesa”.

Além disso, o consumidor deve ficar de olho se o produto tem certificação para específicas faixas etárias.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 62 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal