Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

23/01/2013 - rondoniaovivo.com Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

VISTA ALEGRE DO ABUNÃ - Dinheiro falso é apreendido pela Polícia Militar


No início de janeiro/2013, policiais militares do Distrito de Vista Alegre do Abunã foram acionados para averiguarem uma situação de moeda falsa no comércio da localidade. Três acusados foram apontados, sob a suspeita de colocarem em circulação cédulas falsificadas durante compra em dois estabelecimentos comerciais naquela comunidade.

O trio foi localizado e detido já no Distrito de Extrema-RO, onde as duas vítimas reconheceram os três como sendo as pessoas que realizaram as compras e pagaram com notas de cem reais falsas. Foram identificados como Romário D. S. V., 18 anos; Willian L. D., de idade não revelada e o terceiro com o nome de Paulo, 34 anos. Nas casas dos mesmos os PMs apreenderam duas impressoras, onde uma delas tinha uma nota de 20 reais dentro e a cópia da referida cédula já impressa; dois note books; um tablet; uma máquina fotográfica; uma calculadora científica; uma furadeira de cor verde; um toner para impressora; cinco caixas de cerveja, sendo em lata e garrafas.

Na residência de um dos acusados a Polícia Militar apreendeu 320,00 reais em cédulas falsificadas e várias imitações de carteiras de identidade de vários estados brasileiro. Também foi entregue na delegacia de Extrema um monitor; um molho de chave; uma pasta com documentos de terceiros e uma arma de fogo (velha) modelo garruncha. Na posse dos três os militares ainda apreenderam o valor de 3.204,00 reais em espécie, montante este encaminhado ao setor de perícia para laudo técnico.

Romário confessou a falsificação do dinheiro. Ele e Willian, por terem posto as cédulas falsas em circulação e assim ferindo os interesses da União, foram autuados em flagrante delito sendo incursos no art. 289 do Código Penal vigente. A dupla estar à disposição do Judiciário federal para explicar o crime perante a Lei. Paulo, por falta de provas que o incriminasse, foi posto em liberdade.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 95 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal