Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

27/12/2012 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Presas 11 pessoas em ação no RS contra fraude na compra de remédios

Foram cumpridos mandados de prisão e de busca e apreensão em Miraguaí. Outras 4 pessoas foram pegas em flagrante queimando documentos.

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) da Região do Alto Uruguai, no Rio Grande do Sul, prendeu 11 pessoas nesta quinta-feira (27) durante operação contra a fraude na compra de medicamentos no município de Miraguaí. Foram cumpridos sete mandados de prisão preventiva e nove de busca e apreensão contra servidores municipais e funcionários privados. Além disso, outras quatro pessoas foram pegas em flagrante tentando colocar fogo em documentos.

Todos que já estavam com a prisão preventiva decretada já haviam sido denunciadas pelo Ministério Público pela prática dos crimes de formação de quadrilha, peculato, adulteração de sistema de informações, fraude em procedimento licitatório e advocacia administrativa na compra de medicamentos pela Prefeitura para atender os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

A operação busca apreender mais documentos que provem a prática de outros crimes além daqueles em que os envolvidos já estão denunciados pelo MP. A investigação, que começou em julho deste ano, aponta que os presos são suspeitos de fraudar licitações para compra de medicamentos. Além de terem os preços superfaturados, os medicamentos eram adquiridos em quantidades fictícias tão elevadas que, mesmo que toda a população fosse usuária de determinado remédio, seria impossível consumir o estoque no prazo de validade.

Dois servidores também foram afastados pela Justiça e ficarão sem receber salários até o julgamento.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 242 vezes




Comentários


Autor e data do comentário: J.Américo G.Dorneles - 30/12/2012 19:43

A atuação do MP e do TCRS é espetacular pena que o efetivo seja pequeno. Pouca gente para prender tantos ladrões. Aliás nem lugar nos presídios tem mais.
Feliz 2013,com menos corrupção



O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal