Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

21/11/2012 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpistas usam nome de asilo para conseguir dinheiro em Ituiutaba, MG

Pelo menos 20 pessoas entraram em contato com a instituição reclamando. Diretor do local informou que passou caso para a polícia tomar providências.

Em Ituiutaba, no Triângulo Mineiro, golpistas estão usando o nome do Lar de Idosos Padre Lino para tentar extorquir dinheiro da comunidade. Criado há mais de 20 anos o local hoje atende 54 internos, como o aposentado Pacífico Gomes da Silva. Quando chegou, há sete meses, ele mal conseguia movimentar as pernas e, agora, anda para todo lado. "O povo é bom para mim, ganhei um radinho, um par de botina, todo mundo vem aqui e me abraça”, contou o aposentado.

A instituição é mantida com a ajuda da comunidade e, todo fim de ano, o asilo faz uma campanha com os colaboradores para uma ceia especial para os idosos. O trabalho é feito apenas por funcionários e parceiros do asilo, mas nos últimos dias moradores da cidade receberam ligações de outras pessoas pedindo ajuda em nome da instituição. De acordo com o asilo, pelo menos 20 moradores foram abordados e, na maioria dos casos, os golpistas pediram ajuda em dinheiro.

O diretor do local, Márcio Fernandes Ferreira, contou que geralmente os golpistas tentam passar o número de uma conta corrente para que o morador faça o depósito. “Foram mais de 20 telefonemas de pessoas, até conhecidas do asilo, que colaboram com a gente, reclamando que há pessoas ligando e pedindo doação”, explicou Márcio.

A secretária escolar Élida Vinhais Camargo foi procurada e disse que achou estranho o pedido do outro lado da linha e não fez a suposta doação. “Eu já sabia que o Lar do Idoso não estava com esse trabalho de pedir por telefone então eu estranhei”, contou Élida.

Não há informação de que os golpistas tenham conseguindo alguma doação e, agora, o asilo passou o caso para a polícia. “A partir de agora a polícia vai tomar providências mais sérias quanto a isso”, finalizou Márcio.

O G1 entrou em contato com a Polícia Civil para saber quais medidas serão tomadas, mas foi informado que não havia delegado de plantão no momento.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 72 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal