Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

20/12/2012 - Público.pt - Última Hora Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Médicos detidos pela PJ em nova operação contra a fraude no SNS

Por: Andrea Cunha Freitas

As detenções dos quatro suspeitos foram feitas ao longo desta semana.

A Polícia Judiciária (PJ) deteve dois médicos, um delegado de propaganda médica e um farmacêutico numa nova operação de combate à fraude no Serviço Nacional de Saúde (SNS). A gravidade dos actos cometidos por um dos médicos levou mesmo a Inspecção-Geral das Actividades em Saúde (IGAS) a aplicar a pena de expulsão da função pública a um dos clínicos detidos na operação.

De acordo com um comunicado da PJ, na operação designada Remédio Santo II foram realizadas 13 buscas e foi “apreendido diverso material relacionado com a prática da actividade criminosa em investigação, uma viatura e elevada quantia monetária”. Independentemente do resultado do processo criminal, um dos médicos detidos, que exerce na região centro do país, terá já sido alvo de uma pena disciplinar de expulsão da função pública, por decisão da IGAS tomada já na passada sexta-feira.

A operação foi levada a cabo pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) da PJ, “com a estreita colaboração do Ministério da Saúde, no âmbito de um inquérito tutelado pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal relacionado com a investigação de fraudes no Serviço Nacional de Saúde”.

A segunda operação Remédio Santo tinha como objectivo “confirmar a eventual prática de crimes de falsificação de documentos, burla qualificada e corrupção” na actividade médica e farmacêutica.

Os detidos serão presentes sexta-feira às autoridades judiciárias competentes, tendo em vista o primeiro interrogatório judicial e eventual aplicação de medidas de coacção. O comunicado da PJ adianta ainda que a investigação vai prosseguir “no sentido de determinar, com rigor, todas as condutas criminosas e o seu alcance”.

Num comunicado divulgado nesta quinta-feira o Ministério da Saúde esclarece que “as referidas detenções têm na base, mais uma vez, suspeitas de emissão de receituário falso relativo a medicamentos altamente comparticipados pelo Serviço Nacional de Saúde”.

“Além de defraudar o SNS (obtendo uma comparticipação indevida), os medicamentos em causa poderão estar a ser desviados do mercado nacional, provocando situações de escassez, assim se prejudicando duplamente os utentes e os contribuintes”, acrescenta o documento.

Aplaudindo os resultados da operação Remédio Santo II desencadeada na região da Grande Lisboa, o ministério sublinha que “monitoriza activamente os casos anómalos detectados no processo de conferência de prescrições e respectiva facturação, tanto de medicamentos como de meios complementares de diagnóstico e terapêutica, comunicando-os, logo que existam fundadas suspeitas da existência duma prática de natureza criminal, às autoridades competentes”.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 97 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal