Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

18/12/2012 - Cenário MT Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpistas roubam cartões de idosos dentro de bancos em Cuiabá


Ao menos 10 pessoas foram vítimas de um golpe em que estelionatários trocam cartões de débito de clientes do Banco do Brasil, dentro das agências, e fazem saques e transferências. Os suspeitos seriam homens bem vestidos na faixa etária entre 35 e 45 anos que se aproveitam de senhores e senhoras de idade, geralmente aposentados. Os ataques ocorrem geralmente no início de cada mês, em período de pagamento.

Segundo a Polícia Civil, os golpistas dizem que deixaram um extrato no terminal e acabam conversando com a vítima e, em questão de segundos, fazem a troca, conforme suspeita das próprias vítimas. Estas só percebem a troca quando retiram um extrato e descobrem os saques indevidos. Em alguns casos os estelionatários se passam por funcionários da agência.

Conforme policiais da Central de Ocorrência da Capital, os falsários já fizeram saque de até R$ 5 mil de uma vítima que teve seu dinheiro transferido de uma conta para outra. Até agora, os casos ocorreram em duas agências do Banco do Brasil – avenida Historiador Rubens de Mendonça e do CPA II.

Uma das vítimas, um morador do bairro Boa Esperança, foi fazer uma verificação de saque e cerca de 10 minutos depois que saiu da agência, veio um torpedo em seu celular informado sobre uma compra numa loja de confecções do Shopping Três Américas, no valor de R$ 300. “Foi aí que a vítima descobriu que estava com um cartão falso em mãos”, relatou um policial.

Uma moradora do Jardim Tropical perdeu o cartão após o golpista deixar um folder sobre a seca do nordeste. Foi pedir informação sobre o caso e o golpista trocou o cartão após ela fazer o saque. Como conseguiu gravar a senha, retirou R$ 1 mil da conta da vítima, dias depois.

“Uma vítima teve dificuldades em ver o saldo. Então pediu ajuda a uma pessoa que se mostrou muito solícita e de fato a ajudou, mas trocou o cartão”, relatou o policial. O golpista conseguiu trocar a senha e o cartão.

O que chamou a atenção dos policiais é que os golpistas trocam os cartões da mesma cor – eles andam com os cartões azul e ouro do Banco do Brasil. Os policiais alertam as pessoas a pedir ajuda a somente funcionários das agências bancárias que são devidamente identificados.

Os casos estão sendo investigados pela Delegacia de Estelionato, Defraudações e outras Fraudes, que funciona na Delegacia do Planalto.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 110 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal