Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

13/12/2012 - Gazeta de Alagoas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

CORRUPÇÃO. Fraude em Câmara Municipal se arrastava desde 2008 e inclui donos de postos

Por: Patricia Bastos

Operação investiga desvio milionário.

Arapiraca – Mais de R$ 1 milhão pode ter sido desviado da Câmara Municipal de Santana do Ipanema nos últimos cinco anos, segundo o promotor Luiz Tenório, que integra o Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc), que fez uma devassa nos documentos do Legislativo da cidade, na manhã de ontem.

Durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão, de acordo com o promotor, foi possível comprovar um esquema de fraude que operava pelo menos desde 2008, e que teria participação de todos os vereadores da atual legislatura e da anterior, além do envolvimento de empresários do município. “Entre os documentos que foram requisitados pelo mandado estavam os comprovantes de licitação para a aquisição de combustíveis, que, como já suspeitávamos, não existiam. Ao invés deles, encontramos outros que reforçam os indícios de que houve mau uso da verba de gabinete”, declarou Luiz Tenório.

Segundo o promotor, vereadores tinham um acordo com proprietários de postos de combustíveis no município e faziam compras fictícias de gasolina. Notas fiscais fraudulentas serviam para justificar a despesa e para a Câmara emitir ordem de pagamento aos postos, e o dinheiro era dividido entre vereadores e empresários.

Luiz Tenório declarou que as investigações apontaram que os vereadores atuavam como uma organização criminosa no desvio de verba do Legislativo. Além do crime de corrupção e formação de quadrilha, os vereadores da atual legislatura de Santana do Ipanema, e ex-vereadores que encerraram o mandato em 2008, poderão responder por crimes de falsidade ideológica, peculato e dispensa ilegal de licitação.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 178 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal