Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

24/11/2012 - Região Noroeste Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Aposentado é vítima do golpe do “falso sequestro”

Bandidos telefonaram para idoso e anunciaram que estava com o filho dele.

Um falso pedido de socorro a um filho, quase levou um aposentado de 65 anos, morador de Votuporanga, para um golpe, nesta semana.

Bandidos ligaram para a vítima, informando que teria que depositar a quantia de R$1 mil para que o rapaz fosse liberado em segurança.
O caso foi registrado na tarde da última quarta-feira no Plantão Policial Permanente.

De acordo com o que foi apurado, o aposentado J.P., morador da Vila Paes, procurou a polícia por volta das 13h30, para informar que encontrava-se em casa, quando recebeu uma ligação telefônica à cobrar de um telefone cujo interlocutor identificou-se como sendo seu filho, dizendo que havia sofrido um acidente e estava refém de bandidos.

Em seguida, um outro criminoso entrou na conversa e disse que estava com o rapaz como refém e exigiu a quantia de R$3 mil para que fosse liberado.

Quando a vítima afirmou que dispunha apenas de R$1 mil, o criminoso pediu que a esposa do aposentado ficasse aguardando na linha, e que ele se encaminhasse até uma agencia bancária e efetuasse o depósito numa conta.

Por sorte, quando J.P. se deslocava ao banco, conseguiu fazer contato com o filho, que estava no trabalho e desconhecia o sequestro. A vítima não chegou a sofrer prejuízo material, vez que não efetuou deposito algum. O caso será investigado.

Novo golpe

Golpistas estão atacando de todos os lados para arrancar dinheiro das vítimas.

Desta vez, os picaretas enviam comunicados falsos para supostos saques de valores de até R$ 50 mil a aposentados ou pensionistas de Votuporanga. Para impressionar as vítimas, eles usam impressos falsificados com logomarcas parecidas com a do Tribunal de Justiça de São Paulo.

No “documento” frio, constam números de processos fictícios. Para completar o engodo dos aposentados, os golpistas utilizam nomes de autoridades verdadeiras, mas que nem sabem do uso indevido de suas identidades.“Quando recebi a cartinha logo desconfiei. Pesquisei na internet e descobri se tratar de golpe”, disse um morador de Votuporanga.

A proposta recebida por ele era tentadora. O papel comunicava a liberação de um fundo de aposentadoria através de uma ação coletiva na justiça.

O valor prometido é de R$ 52.325,40, mas, para completar a liberação da bolada, a pessoa deve depositar na conta do suposto escritório a quantia de R$ 6.131,54.

Segundo a polícia, ao receber este tipo de proposta a pessoa deve ignorar. O remetente das cartas são investigados em São Paulo.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 112 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal