Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

19/10/2012 - Correio do Brasil Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Dupla é presa com R$ 16 mil em moeda falsa no Centro de Juiz de Fora

Por: Nathália Carvalho


A Polícia Federal (PF) prendeu dois homens que estavam sendo investigados por comercialização de moeda falsa no Centro de Juiz de Fora, por volta das 12h desta sexta-feira, 19 de outubro. A medida foi realizada com base em um mandado que havia sido aberto contra um dos suspeitos, que estava portando a maior parte da quantia no momento da abordagem. No total, cerca de R$ 16 mil e U$ 2.500 em moeda falsa foram arrecadados pela polícia.

De acordo com a delegada da PF Giselle Rezende, a investigação teve início há cerca de duas semanas. “Já tínhamos conhecimento do crime anteriormente e conseguimos abordar os dois suspeitos no momento em que eles realizavam a transferência do material”, explica. Segundo a delegada, um homem de 24 anos foi pego repassando R$ 2.300 na esquina das ruas Batista de Oliveira com São João (ver mapas) dentro de uma lanchonete. Ao mesmo tempo, outro homem de 60 anos foi preso em sua residência, localizada na parte baixa da avenida Independência, com o restante do dinheiro.

Operação da Polícia Federal prende dois homens e apreende mais de dez quilos de cocaínaPF apreende máquinas caça-níqueis no bairro Cascatinha

Além disso, a delegada chefe substituta, Maria Thereza Moreira, explica que parte do dinheiro arrecadado era verdadeiro e que a outra metade das notas, que eram falsas, foi de difícil identificação, devido à qualidade da adulteração. “Algumas eram mal feitas, com material mais fino, mas o fato de estarmos começando a utilizar notas novas auxiliou no repasse”, explica. Segundo a delegada, o material era vendido por R$ 50, ou seja, comprava-se o valor referente a R$ 1.000 falsos por R$ 500 verdadeiros. A comercialização era feita, provavelmente, com vendedores da cidade.

Outros materiais

Além do dinheiro, foram apreendidos dois carros, sendo um de Juiz de Fora e outro de Bicas; uma moto com emplacamento de Juiz de Fora; 13 chaves mixas; dois cartuchos calibre 20; seis carteiras do Exército Brasileiro; quatro chaves de veículos diversos; 20 cartões, incluindo de crédito e de lojas e um celular.

Outro alerta da Polícia está ligado a falsa identidade exercida pelo suspeito. Ao que tudo indica, ele se passava por um militar da Reserva do Exército e pode ter enganado diversas pessoas na cidade. Os dois suspeitos foram presos e vão ser transferidos para o Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) nesta semana. Para aquelas pessoas que suspeitarem estarem portando moeda falsa, a orientação é entregá-las na sede da Polícia Federal para que seja analisada. O caso continuará em investigação pelo órgão.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 70 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal