Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

18/10/2007 - Jornal de Itupeva Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Jovem invade sistema 911 e faz Swat cair em trote


Randall Ellis, hacker americano de 19 anos, deverá comparecer ao tribunal californiano de Orange County para responder pelas acusações de ter invadido o sistema de emergência policial americano, mais conhecido como 911. A Swat, atendendo o falso chamado, foi armada até a casa de uma família que nada tinha a ver com o caso.

Segundo o site The Register, Ellis invadiu o sistema telefônico e cadastrou um falso chamado sob um número de Orange County escolhido aleatoriamente. No chamado, alegava ser um usuário de drogas adolescente que havia sido baleado no ombro, e que estava na mira de bandidos que também ameaçavam a vida de sua irmã.

Como resultado, a equipe especial da Swat, armada com rifles, cães farejadores e até mesmo um helicóptero foi prontamente enviado ao local, segundo o jornal The Orange County Register.

A família moradora no endereço usado para o trote dormia quando a polícia chegou. E a situação poderia ter sido pior, caso a força policial tivesse disparado seus rifles contra um dos moradores que, assustado, saiu da casa armado com uma faca de cozinha. Ele e sua mulher chegaram a ser algemados até que o mal-entendido fosse desfeito, pouco depois.

Os métodos utilizados por Ellis não foram divulgados por questões de segurança, mas o jovem será julgado por acesso não autorizado a um computador e fraude, prisão ilegal por violência, notificação falsa de um crime e ataque indireto com uma arma de fogo.

A polícia ainda afirmou ter motivos para crer que o hacker foi responsável por outros trotes que geraram chamados à Swat semelhantes em outras cidades dos Estados do Arizona, Pensilvânia e em Washington, onde mora.

Embora trotes para o 911 não sejam incomuns, o método de ação do hacker é um fenômeno em crescimento, que foi batizado pelas autoridades de "SWATting" (que em inglês quer dizer "golpear") e embora não tenha tido resultados desastrosos, pode provocar danos reais aos envolvidos na ação, bem como causar problemas para as estruturas de segurança do país e se tornar uma ameaça mais significativa do que os convencionais atos de ciberterrorismo, noticiou o site heise Security.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 350 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal