Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

02/10/2012 - Bom Dia Sorocaba Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Três ex-bancários são acusados de fraudes

Ex-funcionários teriam desviado R$ 42 milhões de 22 correntistas, em 2008; MP pediu quebra de sigilo.

Três ex-funcionários de um banco em Rio Preto estão sendo investigados por desvio de dinheiro em uma agência de Rio Preto. A informação é da TV TEM.

Dentro de um mês a Justiça deve ter acesso ao extratos das contas dos três acusados, que são dois ex-gerentes e uma ex-subgerente de uma agência que fica no bairro Alto Rio Preto. O Ministério Público pediu a quebra de sigilo dos três e aguarda a decisão.

Um perito foi contratado pelos 22 correntistas que teriam sido lesados para analisar o caso. De acordo com o profissional o desvio chega a R$ 42 milhões. Este valor é corrigido desde que supostamente os desvios começaram.

As operações fraudulentas começaram em 2008. Os três ex-funcionários foram demitidos e a Polícia Civil apura os crimes de apropriação indébita e estelionato.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 65 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal