Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

05/10/2012 - Diário de Canoas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Cibercrimes: danos incluem fraude por roubo de informações bancárias

Por: Marcelo Kervalt e Isabella Belli

Crimes pela internet custam R$ 16 bilhões ao ano.

Novo Hamburgo - Com a Internet mais presente na vida das pessoas, um crime considerado do século 21 está trazendo cada vez mais dores de cabeça para os brasileiros. Segundo estudo realizado pela empresa de segurança Norton/Symantec, o Brasil ocupa o terceiro lugar no ranking dos países mais afetados por atividade ilegal na rede mundial de computadores com prejuízo de R$ 16 bilhões por ano, atrás de China (R$ 92 bilhões), EUA (R$ 21 bilhões) e empatado com a Índia.

Os danos causados por meio da Internet no País incluem fraude e roubo de informações bancárias usando vírus e representa 7% do prejuízo mundial originado pelo chamado cibercrime. E, segundo o estudo, 75% dos brasileiros que usam a Internet, de alguma forma, já foram lesadas.

De acordo com a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito (Abecs), a entidade desenvolve materiais específicos de segurança e prevenção à fraude para o mercado. Além disso, acompanha a evolução e crescimento do mercado, levantando informações, dados e tendências que ilustram os cenários e perspectivas do setor.

Furtos via web são puníveis

Segundo o delegado Marcínio Tavares Neto, da Delegacia de Polícia de Repressão dos crimes Informáticos, ligado ao Departamento Estadual de Investigação Criminal (Deic), a lei em relação aos cibercrimes ainda é deficiente. Não existe, por exemplo, punição para o envio de vírus. “Furtos e estelionatos via web são puníveis. Em qualquer caso, porém, a vítima deve procurar a delegacia local para fazer um boletim de ocorrência.”

Um novo dispositivo de segurança

Fabrizio Ranzani é proprietário da empresa Tecrotronica, que fica no Polo Tecnológico da Unisinos. Italiano vivendo no País há dois anos, desenvolveu um sistema de segurança que une as tecnologias biométrica (leitura a laser da digital ou da íris) e cripitografada. Com apenas um pendrive, o usuário poderia fazer transações bancárias pela Internet ou caixas eletrônicos sem correr risco de sofrer um golpe. “O pendrive tem um espaço onde o usuário passa o dedo. O chip elabora a imagem da digital e cria um código de segurança que será usado para fazer as transações. Em seguida, a imagem da digital é destruída pelo chip, diferente de outros aparelhos biométricos que armazenam o desenho, trazendo riscos de fraude”, explica ele.

Invasão também nas redes sociais

Quase um quarto dos entrevistados pela empresa de segurança Norton/Symantec que usam redes sociais no Brasil (23%) disse que seu perfil foi invadido por uma pessoa que se fez passar por ele.

A média mundial de ocorrência de cibercrime é de 67%, enquanto os níveis mais altos são verificados na Rússia (92%), na China (84%) e na África do Sul (80%).

Proteja-se na hora de utilizar a Internet

Nunca forneça informações pessoais a ninguém por e-mail

Sempre suspeite de mensagens eletrônicas que lhe informem, com pouca antecipação, que sua conta será fechada ou que algum serviço será descontinuado caso você não confirme suas informações pessoais

Nunca clique direto no link que veio no e-mail - acesse o site da instituição financeira pelo endereço que você está acostumado

Evite digitar suas informações em site que não possua o símbolo de cadeado na barra de status do seu navegador (browser). O cadeado indica que a informação fornecida viajará por meio de um canal seguro

Sempre verifique o extrato mensal da sua conta e a descrição da fatura do seu cartão de crédito

Além de não responder eventuais e-mails que solicitam o número de seu cartão, contate imediatamente o banco emissor de seu cartão de crédito para que ele possa iniciar uma investigação

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 383 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal