Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

25/09/2012 - Diário do Pará Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Por suspeita de fraude, juíza cancela 212 títulos


A juíza da 24ª Zona Eleitoral de Conceição do Araguaia, Danielly Modesto de Lima, responsável pelo processo eleitoral em Conceição do Araguaia, Floresta do Araguaia e Santa Maria das Barreiras cancelou 212 títulos eleitorais. Todos pertencem ao lote 015, emitido pelo Cartório Eleitoral de Conceição do Araguaia. Segundo a juíza, houve fraude durante o processo de alistamento e transferência de títulos no município de Santa Maria das Barreiras.

A fraude foi detectada dentro do Cartório Eleitoral. Os 212 eleitores solicitaram a emissão dos títulos, mas não apresentaram qualquer documento que comprovassem e existência deles. A juíza determinou a abertura de sindicância dentro do cartório para identificar os participantes da fraude.

Danielly Modesto nomeou o analista judiciário João Paulo Carvalho dos Santos, como secretário do processo de investigação. Em contato com a reportagem, João Paulo informou que a sindicância foi instaurada e as investigações correm em segredo de Justiça, na delegacia da Polícia Federal de Redenção, que instaurou um inquérito policial para identificar os autores da fraude.

FISCALIZAÇÃO

A juíza disse que haverá uma rigorosa fiscalização por parte da Justiça no dia das eleições em Santa Maria das Barreiras, na intenção de identificar o eleitor que tentar votar com o título cancelado. “Solicitamos junto à presidência do Tribunal Eleitoral, a presença de outros juízes que não estejam envolvidos no processo eleitoral, para nos auxiliar no dia da eleição e garantir, dessa forma, a lisura do processo eleitoral em Santa Maria das Barreiras e em toda 24ª zona eleitoral’’ , disse a juíza.

A magistrada não descartou a possibilidade da detenção do eleitor que for pego tentando votar com o título eleitoral cancelado, para que ele possa esclarecer como conseguiu o documento.

A suspeita de fraude durante o processo de cadastramento e transferência de título eleitoral em Santa Maria das Barreiras pode comprometer a lisura do processo eleitoral no município. As informações são de que mais de mil eleitores solicitaram a emissão do título eleitoral, mas não moram no município.

Na Agrovilla, localizada às margens da rodovia BR 158, a 50 km de Redenção durante a votação de 2010, o número de eleitores na única sessão de votação era de 550, hoje ultrapassa 1.500 eleitores.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 210 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal