Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

14/06/2012 - Jornal A Voz da Cidade Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra suspeito de estelionato


Policiais da 89ª Delegacia Legal de Resende cumpriram um mandado de prisão preventiva contra João Batista Abed-El-Ahad de Azeredo, 62 anos, suspeito de estelionato, na terça-feira, por volta de 16 horas. Após determinação de diligências feita pelo delegado titular da unidade, João Dias, a equipe conseguiu deter João Batista no bairro Campos Elíseos.

De acordo com o titular, a Polícia Civil recebeu uma denúncia que apontava que o idoso estaria aplicando golpes na cidade. O golpe consistia na oferta de eletrodomésticos sem notas fiscais com preços abaixo do mercado, tendo em vista que, após o pagamento da entrada, o suposto vendedor estipulava um prazo de 20 dias para a entrega das mercadorias, o que não acontecia.

A partir da informação repassada os policiais civis iniciaram a apuração do fato. Após consulta no sistema, a polícia descobriu que havia um mandado de prisão em aberto contra João Batista, natural de São Gonçalo, no Rio de Janeiro. Conforme o delegado, o mandado foi expedido pelo juiz Leandro Galuzzi dos Santos, da 2ª Vara Criminal da Comarca de Guarulhos, em São Paulo, em 2008, com base no artigo 171 do Código Penal (estelionato).

Com o levantamento de dados realizado pela equipe da 89ª DP, o caso vem sendo investigado há aproximadamente dois meses. Na terça-feira, os agentes obtiveram êxito em localizar o suspeito em um hotel no bairro Campos Elíseos. Ele teria revelado aos policiais que morava há quase seis meses no município. No quarto do estabelecimento foram apreendidos R$ 2.330 em dinheiro; dois cheques nos valores de R$ 100 e R$ 2,3 mil com nomes de pessoas diferentes; dois comprovantes de depósito de R$ 310 e R$ 210; notas fiscais de eletrodomésticos; um celular Nokia e papéis com anotações sobre a possível movimentação de venda.

João Batista foi conduzido para a delegacia, onde foi cumprido o mandado de prisão. O material ficou apreendido na unidade. A polícia acredita que o suspeito tenha efetuado vendas no primeiro momento visando ganhar a credibilidade de alguns clientes. Posteriormente, ele teria começado a aplicar o golpe.

A equipe da unidade prossegue com as investigações e aguarda o comparecimento de pessoas que se tornaram alvo do golpe. Duas supostas vítimas já são cogitadas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 260 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal