Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

15/09/2012 - Gazeta de Alagoas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

MPF aponta fraude milionária no HGE

IMPROBIDADE. Reforma do Hospital Geral do Estado registrou um prejuízo de 26 milhões de reais.

Uma ação de improbidade administrativa proposta ontem pelo Ministério Público Federal (MPF) em Alagoas pretende recuperar um prejuízo de cerca de R$ 26 milhões em recursos públicos causado por fraudes na reforma do Hospital Geral do Estado de Alagoas (HGE), de 2005 a 2007.

Entre os envolvidos no esquema fraudulento, estão dois ex-secretários de Saúde e dois ex-secretários de Infraestrutura do governo estadual.

Respondem à ação, proposta pelo procurador da República Anselmo Henrique Cordeiro Lopes, os ex-secretários de saúde Jacy Maria Quintella Melo e André Luiz Chaves Valente; os ex-secretários de Infraestrutura, Fernando de Souza e Márcio Fidelson Menezes Gomes; além do então presidente da Comissão de Licitação da Seinfra, Ângelo Francisco Silva Bezerra, Edval Alves de Menezes, então presidente da Serveal, empresa ligada à Seinfra, e João Medeiros Rocha, representante da empresa Arquitec.

De acordo com investigação do MPF, um convênio firmado em 2005 entre o Ministério da Saúde e o governo de Alagoas para a reforma e ampliação da antiga Unidade de Emergência Dr. Armando Lages (atual HGE) foi fraudado para, ainda na fase de licitação, beneficiar a empresa Arquitec - Arquitetura, Engenharia e Construção.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 179 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal