Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

22/08/2012 - rondoniaovivo.com Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia Civil e Tribunal de Contas do Estado elucidam fraude em licitação da SESAU


O Grupo de Combate ao Crime Organizado da Polícia Civil – GCCO/PC, com o auxílio do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia, elucidou fraude no âmbito da Secretaria de Estado da Saúde de Rondônia (Sesau), quanto à aquisição de material permanente para o Hospital Regional de Cacoal.

De acordo com as investigações, servidores públicos (Ex-Secretária Adjunta e Ex-Membros de Comissão Permanente de Licitação) e um empresário do ramo de fornecimento de equipamento hospitalar, agiram em conluio no sentido desse fornecer 02 (duas) autoclaves, antes de qualquer procedimento licitatório, tendo este sido realizado posteriormente com o objetivo de direcionar a licitação (pregão eletrônico) com vistas a sanar a irregularidade.

Em sua manifestação, o Tribunal de Contas afirmou que “essa situação é esdrúxula, pois não existe previsão legal de empréstimo de equipamento sem nenhuma contraprestação estatal e sem documentação que formalize o ato”.

Com base no conjunto probatório, delegados de Polícia Civil do GCCO indiciaram os investigados nos crimes previstos nos arts. 89 (Dispensa ou inexigibilidade ilegais de licitação) e 90 (Frustrar ou fraudar competição em licitação) da Lei n° 8.666/93, que trata dos crimes de licitação.

Segundo os delegados, “outras investigações dessa natureza estão em trâmite no GCCO e quem ganha com essa parceria firmada entre a Polícia Civil e o Tribunal de Contas é a sociedade rondoniense e o erário público”.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 123 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal