Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

06/08/2012 - Agência Financeira Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Notas falsas disparam 93%. As mais copiadas são...

Por: Rita Varandas

Moeda norte-americana - o dólar - é a mais fácil de copiar.

Há mais notas falsas a circular no país. A apreensão de dinheiro contrafeito aumentou 92,6% nos primeiros quatro meses deste ano. Em Portugal, falsificam-se muitos dólares mas o país é destino de milhares de euros falsos de vários países da Europa.

A subida do número de notas contrafeitas deveu-se, sobretudo, aos dólares falsificados. A moeda norte-americana é mais fácil de copiar.

Já os euros falsos que circulam no país são produzidos por redes organizadas, na Europa. Espanha, França e Itália, produzem dinheiro falso em grandes quantidades e com níveis de perfeição elevados.

E é nos grandes centros urbanos que as autoridades detetam mais dinheiro contrafeito.

Em Lisboa e no Porto é mais fácil colocar notas falsas em circulação do que nos pequenos centros urbanos.

Dão retirados das ruas portuguesas, em média, 43 mil euros por mês. As notas de 50 e 20 euros continuam a ser as preferidas dos falsários.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 97 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal