Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

03/08/2012 - Bom Dia Sorocaba Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Lobista apresenta papais em apuração de fraude

Por: Vinícius Marques

Alcides Barbosa presta depoimento ao MP de Rio Preto e mantém acusações de irregularidades em licitações Vinícius Marques

O lobista Alcides Fernandes Barbosa, que fez acusações de fraude em licitações da Prefeitura de Rio Preto em delação premiada à Justiça de Natal (RN, manteve as denúncias nesta quinta-feira (2) em depoimento ao Ministério Público de Rio Preto e apresentou documentos que podem comprovar as supostas ilegalidades.

Alcides, preso no final do ano passado acusado de fraude em licitação em Natal, é apontado pelo MP potiguar como sócio do ex-procurador-geral de Rio Preto Luiz Tavolaro. O promotor rio-pretense Sérgio Clementino viajou até São Paulo ontem, onde ouviu as declaraões de Alcides durante quatro horas. O promotor não divulgou todo teor do depoimento mas afirma que, além de mantar as acusações contra Tavolaro, ele apresentou documentos. “Ele não retirou nada do que disse e acrescentou coisas, como documentos. Mostrou cópias de contratos, notas fiscais da empresa dele, anotações’, afirmou Clementino.

De acordo com Clementino, Alcides Barbosa voltou a dizer que Tavolaro teria ganho um carro de uma empresa que venceu licitação da prefeitura. O veículo seria um Passatt e ficou em seu nome por seis meses, de acordo com Clementino. O lobista também disse que conhece Valdomiro e que teria ido até á casa dele em Rio Preto e São Paulo. A assessoria de Valdomiro nega essa versão.

Clementino tem quatro inquéritos abertos para apurar supostas irregularidades em licitações, contratos, e até acusação de desvio de dinheiro na prefeitura. As denúncias envolvem o ex-procurador-geral. O promotor de Rio Preto afirma que o depoimento torna a apuração “mais robusta”. “Ele citou várias empresas e contratos. Mencionou de novo o voo a jato para Natal e passou dados desse avião”, afirmou Clementino. Segundo o promotor, o lobista não cita se Valdomiro teria cometido irregularidades.

Acusado da fraude em Natal, Alcides Barbosa foi solto após a delação premiada. Na ocasião, o MP também denunciou Tavolaro e a ex-secretária de Administração Eliane Abreu. A denúncia contra ambos foi rejeitada pela Justiça de Natal.

Há dois meses, Alcide foi até a prefeitura procurar o então chefe-de-gabinete Alex Sandro. Alcides disse que teria de receber dinheiro por um contrato referente ao loteamento Nova Esperança. A assessoria do prefeito pediu abertura de inquérito por chantagem e não quis comentar o novo depoimento. “Essa pessoa é caso de polícia”, informou a assessoria do prefeito na quinta.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 162 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal