Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

24/07/2012 - Aqui Acontece Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícias Militar e Civil apresentam resultado da Operação Clone


A Polícia Civil de Alagoas divulgou, nesta segunda-feira (23), o nome de um dos líderes do grupo que foi preso durante a Operação Clone desencadeada pelo Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gecoc), do Ministério Público Estadual (MPE), com trabalho operacional da Polícia Militar.

Preso em São Miguel dos Campos, Edson Ferreira Teixeira, de 41 anos, conhecido como Nêgo Edson, foi conduzido à sede do MPE, pela equipe da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (DRN). Segundo o delegado Jobson Cabral, Edson tem envolvimento, além de fraudes bancárias, com roubos a banco e veículos.

Durante entrevista coletiva, foram apresentados vários equipamentos eletrônicos usados pelo grupo na clonagem de cartões, tais como computadores, cheques, maquinetas de débito, 28 cartões em branco e R$ 35.870,00.

Na ocasião, o promotor Alfredo Gaspar de Mendonça explicou que a quadrilha tinha quatro formas de agir, podendo ser através da compra de dados no valor de R$100 ou na utilização de um vírus que capta as informações das vítimas pela internet.

A operação contou com a parceria do Gecoc, PC e Polícia Militar, que cumpriram 24 mandados de busca e apreensão e 22 de prisão, expedidos pela 17ª Vara. Dezenove pessoas estão presas. Onze carros, dois jet-skis e uma moto também foram apreendidos. Calcula-se que os prejuízos possam chegar a mais de R$ 1milhão.

O delegado-geral da PC, Paulo Cerqueira, esteve presente, juntamente com o diretor do Departamento de Polícia Judiciária Metropolitana (DPJM), Carlos Reis, na coletiva. Na oportunidade, ele disse que o êxito da operação se deve a parceria entre o MPE e as polícias. “Esta operação será a primeira de muitas outras que estão por vir em combate à criminalidade em Alagoas, a PC, PM e MPE estarão juntas e atuantes”, concluiu.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 278 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal