Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

27/05/2012 - Mídia News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Fraude na Sefaz

Filho de ex-servidora tem ficha na Polícia.

No depoimento que prestou à Polícia Fazendária, na semana passada, Magda Curvo, acusada de liderar fraude de R$ 12,8 milhões na Conta Única do Estado, negou com veemência, que tenha recebido algum dinheiro provieniente das fraudes. Como MidiaNews revela em reportagem especial, a ex-servidora da Sefaz, para justificar os bens avaliados em mais de R$ 1 milhão, os atribuiu aos filhos, que, segundo ela, pagariam as despesas da casa onde mora. O filho Giovani, disse ela, investiu, pelo menos, R$ 700 mil em um dos imóveis, mas a fonte do dinheiro seria seu "sucesso profissional".

As investigações da Defaz mostram que Giovani Curvo Muniz é proprietário da empresa Yrix Comunicação Multivisual. Empresa essa que recebeu pagamentos autorizados pela Secretaria de Fazenda, vinculados à Conta Única do Estado, que era coordenada por Magda. Outro filho de Magda, Giuliano Curvo Muniz, é engenheiro florestal e foi preso pela Polícia Federal, durante a Operação Jurupari, em 2010. Giuliano foi posto em liberdade pela Justiça, mas responde pelos crimes de formação de quadrilha, corrupção ativa/passiva, furto, grilagem de terras, falsidade ideológica, inserção de dados falsos em sistema de informática, além de diversos crimes previstos na Lei de Crimes Ambientais.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 142 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal