Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

02/06/2012 - Jornal Umuarama Ilustrado Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Foragido de Campo Grande e preso em Umuarama com documentos falsos


Umuarama - O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime (Gaeco) cumpriu em Umuarama, na manhã de ontem, um mandado de prisão contra o foragido da Penitenciária de Campo Grande-MS, Phellipe Rodrigues Nunes de Carvalho, de 27 anos. O foragido foi condenado a 17 anos de prisão acusado de participação no homicídio de uma criança de três anos. A polícia informou que junto com Carvalho foram encontrados documentos falsos e agora ele vai responder por estelionato e falsificação de documentos.
A operação foi desencadeada pelo Gaeco do Mato Grosso do Sul em parceria com os policiais do Paraná. Segundo os agentes, a primeira pista de que Carvalho estava em Umuarama surgiu quando sua esposa foi notificada com uma multa de trânsito. Através desses dados, o Gaeco de Cascavel localizou o foragido trabalhando em um comércio e oficina de motos. O mandato foi cumprido na manhã de ontem, na avenida Londrina.
Ao abordar o foragido, os policiais do Gaeco encontraram em sua posse documentos falsos. Natural de Teresópolis-RJ, Rodrigues estava vivendo em Umuarama com sua esposa há quase seis meses e trabalhava como mecânico de motos. Porém o rapaz era conhecido como João Felipe Oliveira de Nóbrega. A suspeita é de que Carvalho teria falsificado sua certidão de nascimento e com isso conseguiu tirar todos os documentos de forma legitima. Foram encontrados com o rapaz: Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF), Titulo de Eleitor, Carteira de Trabalho e até reservista do Serviço Militar.
Preso em flagrante, o carioca vai continuar preso na 7ª Subdivisão de Policia de Umuarama e responder pelos crimes de estelionato e falsificação de documentos. De acordo com os policiais, na ficha do foragido está a participação em um homicídio à uma criança de três anos, roubo, troca de tiro com policiais e também indícios de ter ligação com a organização criminosa Comando Vermelho, do Rio de Janeiro.
O acusado não falou com a imprensa.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 311 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal