Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

30/04/2012 - Portal Click Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatário preso pela Polícia Civil de Leopoldina


A Polícia Civil de Leopoldina recebeu denúncia anônima dando conta de que um foragido da justiça, conhecido pelo apelido de Zé Trentin estaria residindo em uma fazenda no município de Argirita. Policiais Civis se deslocaram até a fazenda e lá localizaram Zé Trentin, que se identificou como sendo José Roberto Pereira. Depois de muito diálogo, José Roberto confessou aos policiais ser a pessoa de José Trentin Sobrinho, vulgo Zé Trentin.

Após realizarem buscas em sua residência os policiais localizaram uma CNH com a foto de José Trentin, em nome de José Roberto Pereira, além de duas folhas de cheque em nome de José Roberto e onze tiras de papel falsas, que servem para lacrar maços de notas, com logotipo do Banco Central do Brasil. José Trentin Sobrinho foi conduzido até a Delegacia Regional de Leopoldina, onde foi preso em flagrante delito pelo crime de uso de documento falso.
Em consulta ao Sistema de Informações Policiais, foi verificado que contra José Trentin havia seis Mandados de Prisão em aberto, originários das cidades Cataguases, Senador Firmino e São João Nepomuceno. Segundo levantamentos preliminares, Zé Trentin, possivelmente, aplicava golpes trocando notas falsas por verdadeiras, além de cometer estelionatos utilizando o nome falso.
A Delegacia Regional de Polícia Civil em Leopoldina aguarda o contato de pessoas, que porventura fizeram algum tipo de negócio com José Roberto Pereira ou José Trentin Sobrinho, vulgo Zé Trentin, e amargaram prejuízo.
A Operação foi supervisionada pelo Delegado Regional Paulo Henrique Marinho Goldstein e chefiada pelo Delegado de Polícia André Luis de Oliveira Cardoso e integrada pelos policiais Raul Rodrigues Zamboni e Hugo de Oliveira Garcia.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 149 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal