Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

09/05/2012 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

'Falso prefeito' preso em Bauru tem ficha criminal de mais de dez metros

Homem é suspeito de aplicar golpes em empresários de três estados. Mais três pessoas que fariam parte da quadrilha foram detidas.

O homem, suspeito de aplicar golpes em empresários se passando por prefeito de várias cidades, preso nesta quarta-feira (09) em Bauru, SP, tem uma ficha criminal de mais de 10 metros. Ele já havia sido preso pelo mesmo tipo de golpe em 2006 e respondia em regime aberto quando foi flagrado cometendo o mesmo crime.

O homem, de 61 anos, se apresentava como prefeito para donos de construtoras e empresas de pavimentação asfáltica. O golpista mostrava interesse em contratar os serviços, mas, em contrapartida, pedia doações em dinheiro para reformar escolas e creches.

“Mas, tudo não passava de um golpe muito bem articulado. Ele sempre pedia para os empresários ligarem no celular dele porque ele estaria em viagem ou compromissos fora, para assim a pessoa não ligar da prefeitura e constatar que era um golpe e não estava realmente falando com o prefeito”, explica o delegado Jader Biazon.

Imagens gravadas pela polícia durante as investigações mostram o golpista e seus comparsas sacando, no banco, o dinheiro depositado pelas vítimas. Segundo a polícia, pelo menos 50 empresários de São Paulo, Minas Gerais e Paraná caíram no golpe e doaram entre R$2 mil e R$25 mil. O golpista escolhia empresas que já tinham prestado serviços às prefeituras de grandes cidades, e se passava por prefeito de municípios vizinhos.

O mapa feito pela polícia mostra a extensão alcançada pelos golpistas. Na região Centro-Oeste, eles conseguiram tirar dinheiro de empresários de Ourinhos, Marília, Assis e Agudos.

Além do golpista que se passava por prefeito, mais três pessoas que faziam parte do esquema foram presas em Bauru e Agudos. Os quatro tiveram a prisão temporária decretada pela Justiça e foram encaminhados para Penitenciária de Pirajuí e vão responder pelo crime de estelionato.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 151 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal