Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS



Promoção BLACK WEEK. Até o dia 02/12 valor promocional para o Treinamento sobre Fraudes Crédito e Comércio ! CLIQUE AQUI.


Acompanhe nosso Twitter

04/10/2007 - A Tarde Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Coaf apura 103 transações bancárias suspeitas em AL


Cento e três transações bancárias suspeitas, realizadas por credores de Alagoas nos últimos seis anos e envolvendo cerca de R$ 600 milhões, foram registradas pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) e estão sendo investigadas por autoridades ligadas à Receita Federal e à Polícia Federal. A informação foi divulgada hoje pelo coordenador-geral de análise do Coaf, Joaquim da Cunha Neto, durante palestra no Curso de Combate à Lavagem de Dinheiro que está sendo realizado no auditório da Escola de Magistratura de Alagoas (Esmal), em Maceió.

"Não cabe ao Coaf denunciar ou responsabilizar as empresas ou pessoas que realizaram essas movimentações suspeitas. Esse trabalho é realizado por outros órgãos, a exemplo da Receita Federal, da Polícia Federal e do Ministério Público Federal", explicou Neto. Segundo ele, nem toda movimentação suspeita resulta em abertura de processo, porque durante a fase inicial de investigação o banco ou o cliente fazem os esclarecimentos necessários. Somente os casos onde as suspeitas permanecem são passados às autoridades fiscalizadoras.

Segundo Neto, qualquer movimentação financeira acima de R$ 300 mil deve ser comunicada ao Coaf pelo banco que registrou o depósito ou saque desse dinheiro. "Isto não quer dizer que essa movimentação, aparentemente suspeita, é irregular, criminosa ou fraudulenta. Só após o aprofundamento das investigações é que podemos chegar à essa avaliação. Caso a suspeita seja confirmada, um relatório do Coaf será enviado à autoridade competente para as providências devidas", acrescentou Neto, acrescentando que além dos bancos outras instituições ou empresas são obrigadas a prestarem informações ao Coaf.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 328 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal