Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

07/05/2012 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Idoso é vítima de golpe em banco e perde R$ 10 mil em Campo Grande

Golpe envolveria duas mulheres que estavam no banco e uma "atendente". Segundo a polícia, idoso descobriu saque e compras no cartão de crédito.

Um idoso de 60 anos foi vítima de estelionato dentro de uma agência bancária em Campo Grande na manhã de domingo (6) e perdeu R$ 10 mil. De acordo com registro feito na Polícia Civil, ele teria sido enganado por duas mulheres, supostas clientes que estava na agência e que tentaram ofereceram ajuda, além de uma “atendente”, que pediu senhas e dados pessoais da vítima.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima foi ao banco na avenida Mato Grosso para sacar dinheiro no caixa automático, por volta das 10h30. O idoso relatou à polícia que foi até um caixa automático, mas foi informado por uma senhora, que estava na segunda máquina, que aquele equipamento não estaria funcionando.

A vítima então inseriu o cartão magnético do banco na terceira máquina, mas se arrependeu ao ver os valores das notas disponíveis e tentou retirar o cartão, que ficou preso.

Em seguida, segundo o idoso, a mesma senhora que o indicou a usar a terceira máquina tentou ajudá-lo a retirar o cartão, mas ela teria dito que não conseguiria pois tinha unhas curtas. Nesse momento, outra mulher se aproximou e ofereceu ajuda, mas, de acordo com a vítima, ao invés de tentar retirar o cartão, a mulher teria empurrado ainda mais o objeto para dentro da máquina.

O idoso tentou ligar para o número de atendimento disponível na tela do caixa, mas, segundo boletim de ocorrência não teria conseguido. Uma das mulheres indicou a ele outro telefone, que constava em um adesivo colado na bancada de vidro do caixa.

Nesse telefone, a “atendente”, segundo o idoso, solicitou os dados pessoais, endereço e senhas numéricas e alfabética, e foi informado por ela que o cartão havia sido bloqueado. Ainda segundo a vítima, a suposta funcionária disse que um novo cartão chegaria em 3 dias e informou o número do protocolo de atendimento.

O idoso disse à polícia que só teria percebido o golpe depois de chegar em casa e ligar novamente para a central de atendimento do banco, dessa vez, no número correto. A atendente informou que não havia nenhum registro de bloqueio do cartão, e que no sistema constava um saque de R$ 1 mil na hora do fato e uma compra de cerca de R$ 9 mil no cartão de crédito.

A vítima voltou até a agência bancária em busca das suspeitas, mas não encontrou ninguém. O adesivo que estava no caixa com o número de telefone havia sido retirado. O caso foi registrado como estelionato na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do centro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 133 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal