Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

23/04/2012 - D24am Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatário fez mais de 500 vítimas no município de Maués

Por: Islânia Lima

Jair Arantes de 28 anos fez aproximadamente 500 vítimas no município de Maués oferecendo cursos profissionalizantes falsos de 2011 até 2012.

Manaus - A Delegacia Geral da Polícia Civil informou na manhã desta segunda-feira (23), que o suspeito de estelionato Jair Arantes de 28 anos, fez aproximadamente 500 vítimas no município de Maués oferecendo cursos profissionalizantes falsos de 2011 até 2012.

De acordo com o delegado, Mário Melo, há suspeitas de que Jair tenha enganado pessoas também nos municípios de Humaitá e Itacoatiara cobrando o valor de R$ 25 reais por curso e sumia com o dinheiro.

O suspeito é de Urbelândia, Minas Gerais, e durante a matrícula dos alunos no município Jair usava o nome do Sesc como parceria para dar mais credibilidade ao curso que não chegaria a ser ministrado.

Após a prisão no último sábado (21), a Polícia Civil encontrou junto com o suposto professor, livros de cursos, R$ 4.200 em dinheiro e uma máquina de cartão. Jair foi detido e está à disposição da Justiça no presídio de Maués e responderá a processos de estelionato e falsificação particular de documento.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 883 vezes




Comentários


Autor e data do comentário: incognita - 10/05/2012 00:38

A pergunta o Sr. Jair foi solto por falta de provas? ou pq foi uma prisão arbitrária? Sera que ele é vitima ou réu?



O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal