Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

10/04/2012 - Agência Brasil Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Receita desarticula organização envolvida em fraudes no Espírito Santo

Por: Graça Adjuto


Brasília - A Receita Federal anunciou hoje a Operação Camaro, com o objetivo de combater uma organização envolvida em processos fraudulentos em licitações, corrupção de servidores públicos, desvio de recursos e compensação irregular de impostos no Espírito Santo. A operação foi planejada pelo Grupo Especial de Trabalho Investigativo do Ministério Público do estado (Geti), Ministério Público de Contas, pela Polícia Militar e por servidores da Receita Federal.

De acordo com informações da Receita em Brasília, estão sendo cumpridos oito mandados de busca e apreensão e cinco de prisão temporária. As ações concentram-se nas cidades de Vitória, Vila Velha e Guarapari. Durante um ano, as investigações constataram que uma associação, cujo nome não foi divulgado, prestava assessoria a diversos municípios do estado e os contratos eram firmados por meio de processos licitatórios fraudulentos.

A Receita informou ainda que a prestação de serviços visava à recuperação de créditos decorrentes de contribuições previdenciárias indevidas recolhidas pelos municípios. No caso da recuperação dos créditos, era cobrado pela empresa um percentual que variava entre 15% e 20%.

Durante as investigações, os fiscais da Receita verificaram que a maior parte desses valores havia sido recolhida corretamente e não era passível de recuperação pelos municípios. Os autos de infração, por exemplo, passam de R$ 10 milhões em apenas duas prefeituras do Espírito Santo.

Os contratos com a empresa investigada não estão restritos apenas ao estado. A Receita explicou que pelo menos 98 prefeituras, em vários estados, contrataram os serviços da assessoria. A maior parte concentra-se no Espírito Santo, em Minas Gerais e São Paulo.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 106 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal