Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

07/04/2012 - Diário do Pará Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Mulher perde R$ 1 mil ao cair em golpe


Uma mulher foi vítima do famoso “Conto da Pato” por volta do meio-dia de ontem, na Cidade Nova. Ela teria perdido para os golpistas R$ 1 mil após, segundo ela, ter sido vítima de uma excelente interpretação de dois senhores que teriam cerca de 50 anos cada.

Ela sacou a quantia que mais tarde perderia dentro de um grande supermercado, localizado na Cidade Nova VI. Logo em seguida ela teria se dirigido à fila do caixa para pagar contas. “Apareceu um senhor com um envelope, desses que a gente usa para fazer depósito em banco, aparentando ter muito dinheiro. Ele me disse que eu havia deixado cair, mas eu disse que o dinheiro não era meu”, relatou a vítima. Esse foi o primeiro passo do golpe.

Em seguida teria aparecido um outro senhor dizendo que o dinheiro na verdade era dele, e parabenizando em seguida a vítima, dizendo coisas do tipo “hoje em dia não é fácil encontrar pessoas honestas assim”. E foi logo prometendo que o chefe dele com certeza daria a ela uma recompensa de R$ 50,00 pela honestidade.

“Eu disse que não precisava, mas eles foram bastante convincentes e me levaram para fora da loja para receber a ‘recompensa’”, contou a vítima. Lá o golpe foi finalizado. O primeiro homem (o dono do envelope) deslocou-se até o local onde supostamente a recompensa seria dada e deixou todo o dinheiro que ele tinha para que ela reparasse. O segundo (o que supostamente teria achado o envelope) fez a mesma coisa. Ambos voltaram para frente do supermercado com R$ 50,00 que não tinham.

“Agora é a sua vez”, convidou o golpista. Mas, antes de ir, ele disse que ela poderia deixar o dinheiro que tinha, da mesma forma como fizeram com ela. Ela resistiu a ideia, mas eles fizeram pressão psicológica lembrando-a de que os dois fizeram o mesmo. Ela então deixou com eles os seus R$ 1 mil e foi até o endereço que eles haviam dado. Mas, logo ela (finalmente) percebeu que a numeração não batia e voltou, não encontrando mais nem golpista nem o dinheiro. Testemunhas informaram que os estelionatários fugiram num carro que já os aguardava próximo ao local onde estavam.

Após o golpe, ela e o marido registraram queixa na Central de Flagrantes da Cidade Nova. Os investigadores tentarão ter acesso ao circuito de segurança interno do supermercado para tentar identificar os idosos, que ganharam o presente de Páscoa deles em plena Sexta-Feira da Paixão.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 124 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal