Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

02/04/2012 - Yahoo Notícias / Agência Estado Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Jogador da Atalanta é preso sob suspeita de corrupção


O defensor da Atalanta Andrea Masiello foi detido sob suspeita de envolvimento em um esquema de manipulação e fraude de resultados no Campeonato Italiano do ano passado, enquanto oito ex-companheiros do atleta no Bari, seu ex-clube, estão sob investigação, informou nesta segunda-feira a Federação Italiana de Futebol (FIGC, na sigla em italiano).

A entidade chamou as prisões dos envolvidos neste escândalo de corrupção de "desenvolvimentos sensacionais" e prometeu tomar "ações imediatas" contra os jogadores se eles forem considerados culpados ao final da investigação.

Os últimos nove jogos do Bari na temporada passada do Campeonato Italiano estão sendo analisados, de acordo com a FIGC, incluindo um clássico no qual Masiello fez um gol contra no jogo em que o Lecce venceu por 2 a 0. Na ocasião, o resultado ajudou a equipe vencedora a não ser rebaixada, enquanto o Bari já tinha a sua queda à segunda divisão do país decretada.

Já a imprensa italiana identificou Daniele Portanova (hoje no Bologna), Alessandro Parisi (Torino), Simone Bentivoglio (Sampdoria), Marco Rossi (Cesena), Abdelkader Ghezzal, Marco Esposito, Antonio Bellavista e Nicola Belmonte como outros jogadores que defendiam o Bari ao lado de Masiello e estão sendo investigados sob suspeita participação em escândalo de manipulação de resultados.

"Haverá tolerância zero e ações imediatas da justiça desportiva para fazer uma limpeza e identificar todos os responsáveis", prometeu Giancarlo Abete, presidente da Federação Italiana de Futebol, nesta segunda-feira.

Segundo relatos da imprensa da Itália, Masiello foi preso pela Polícia Federal Italiana em sua casa em Bérgamo, nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira, e foi levado para Bari para ser interrogado. Dois amigos do jogador, Giovanni Carella e Fabio Giacobbe, também foram detidos. As acusações contra eles são de associação ao crime e fraude.

Masiello, que está sob suspeita de ter recebido 300 mil euros para ajudar o Lecce no clássico que salvou o time do rebaixamento, jogou por três anos e meio no Bari, antes de se transferir para a Atalanta ao final da temporada passada.

Desde uma primeira onda de 16 prisões ocorridas em junho passado, mais de 30 pessoas foram detidas em meio a este escândalo, incluindo o ex-capitão da Atalanta Cristiano Doni e o ex-capitão da Lazio Giuseppe Signori.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 136 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal