Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

31/03/2012 - O Dia Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Suspeito de clonar cartões é preso na Zona Sul

Por: Ricardo Albuquerque


Rio - Agentes da Delegacia Especial de Apoio ao Turismo (Deat) prenderam, nesta sexta-feira à noite, Querubim Pupu da Silva Filho, 43 anos, suspeito de clonar cartões de crédito e débito de um banco de capital estrangeiro em Ipanema, Zona Sul do Rio. Os policiais apreenderam um aparelho conhecido como chupa-cabra, que era afixado no caixa eletrônico para copiar os dados dos cartões e agilizar a a clonagem. Uma micro-câmera aclopada ao aparelho filmava a senha dos clientes, que sequer desconfiavam do roubo.

Os policiais filmaram a prisão do suspeito, que chegava na agência entre 18h e 20h para instalar o aparelho no caixa eletrônico. Especialista em informática, Querubim inutilizava os outros caixas eletrônicos, por meio de senha, para obrigar os clientes a fazer operações no terminal onde estava instalado o chupa-cabra. Com três passagens pela polícia por estelionato, o suspeito vai responder por estelionato e interceptação de dados sigilosos. Ele poderá pegar até quatro anos de prisão.

"Turistas e correntistas do banco estavam sofrendo com a clonagem, que sempre era feita às sextas e sábados, dias de grande movimento após o horário bancário", explicou o comissário Hélio Cordeiro, da Deat. Segundo os policiais, as denúncias sobre roubos e clonagens cresceram nos últimos três meses, o que levou a delegacia a montar uma operação especial para prender o suspeito de clonar os cartões.

Os policiais estimam que mais de 400 cartões tenham sido clonados durante a ação de Querubim Pupu na agência bancária de Ipanema. Segundo os policiais da Deat, os cartões de crédito e débito dos turistas eram os mais visados pelo estelionatário pela dificuldade de quem está em férias ou em viagem registrar a ocorrência.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 767 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal