Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

23/03/2012 - Portal Terra Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Justiça apresenta acusações de fraude contra ex-jogador da NBA


A justiça de Nova Jersey, nos Estados Unidos, apresentou nesta sexta-feira acusações de fraude contra o ex-jogador da NBA, C. Tate George, que teria causado prejuízo de US$ 2 milhões (pouco mais de R$ 3,6 milhões), a clientes da empresa que criou após se aposentar do basquete.

O ex-atleta, 43 anos, será processado por quatro acusações e pode pegar pena máxima de 20 anos de prisão, além de multa de US$ 1 milhão (pouco mais de R$ 1,8 milhão), se for considerado culpado.

C. Tate George foi preso no dia 23 de setembro de 2011, depois que o Promotor do Estado, Paul J. Fisherman, o acusou de participar de um esquema Ponzi, a popular pirâmide, ligado a sua empresa, a The George Group.

Segundo a Promotoria, a empresa do ex-atleta afirmou que tinha US$ 500 milhões em ativos e convenceu seus clientes a investir em diversos projetos imobiliários nos Estados Unidos. Vários destas vítimas eram esportistas conhecidos, que George conheceu durante as sete temporadas em que atuou na NBA, entre 1990 e 1997.

O ex-jogador do New Jersey Nets e do Milwaukee Bucks avalizava os negócios, mas em vez de destinar o dinheiro aos projetos, utilizava os fundos para pagar outros clientes, alimentando assim o esquema de pirâmide.

George também usou parte do dinheiro fraudado para reformar sua casa, comprar roupas, abastecer seus automóveis, além de pagar contas de restaurantes.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 119 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal