Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

23/03/2012 - Band Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Corregedoria acha mais uma fraude no Detran

Por: Ariel Kostman

Esquema garantia aprovação no exame prático. Servidor é preso com R$ 22 mil na gaveta.

Um funcionário do Detran foi preso em flagrante na noite de anteontem, acusado de participar de um esquema de fraudes na 30ª Ciretran, em Mogi das Cruzes.

Na ação, realizada pela Corregedoria Geral da Administração e pela Corregedoria da Polícia Civil, foram apreendidos R$ 22 mil, em dinheiro, na gaveta do servidor. Segundo as investigações, ele integra um esquema que cobrava propina para garantir a aprovação no exame prático de habilitação.

A participação de outros funcionários também está sendo investigada. A apuração sobre o envolvimento de policiais que trabalham no Detran ficará a cargo da Corregedoria da Polícia Civil.

De acordo com as investigações, os valores apreendidos com o servidor indicam que ele não agia sozinho. “Acreditamos que os R$ 22 mil tenham sido arrecadados em poucos dias”, diz o corregedor da Administração, Gustavo Ungaro. “Além disso, pelo tipo de fraude, é improvável que ele não tivesse a ajuda de outras pessoas”

Ungaro disse que as investigações começaram após pedido da coordenação do Detran, que recebeu denúncia de um motorista sobre irregularidades praticadas na Ciretran de Mogi. Ainda não se sabe se o esquema envolvia outras sedes do Detran no Estado.

Em dezembro, em outra operação coordenada pela Corregedoria Geral da Administração, cinco funcionários do Detran de São Paulo foram presos, acusados de participar de uma quadrilha especializada em fraudar transferência de veículos da capital para outras cidades. O objetivo da fraude era livrar os proprietários da inspeção veicular ambiental.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 561 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal