Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

22/03/2012 - 24 Horas News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Dono de fazendas milionárias em MT, ‘apostolo’ prepara pregação em Cuiabá


O ‘apostolo’ Valdemiro Santiago, fundador e líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, fará pregação em Cuiabá. O evento está sendo programado para comemoração dos 14 anos de fundação da igreja em Cuiabá, mas deverá servir para tentar reverter o duro golpe que a organização pastoral sofreu a partir de denuncias divulgadas domingo, 18, pela TV Record, sobre aquisições milionárias de terras por Santiago em Santo Antônio do Leverger, a 28 quilômetros de Cuiabá. Milhares de panfletos anunciando a visita do “apóstolo” começaram a ser distribuídos na cidade. A visita acontecerá em maio.

Apesar do início da mobilização, as duas igrejas da “bandeira” IMPD não se manifestam sobre as denuncias que tentam caracterizar o enriquecimento ilícito do líder evangélico. Há um silêncio sepulcral. Alguns veículos de comunicação tentaram uma declaração dos religiosos em Cuiabá, mas foram mal tratados. Um dos pastores chegou a se dizer ofendido com perguntas sobre o caso e não deu qualquer declaração.

Em seu programa da TV Brasil Oeste, que retransmite o sinal da Band TV, o pastor Marcelo Santiago, apelou para o emocionalismo: ele chorou durante sua participação, chegando ao ponto de falar em “injustiça”. O pregador garantiu que quem paga as despesas do templo é a sede estadual e não a organização de Valdemiro.

A Igreja Mundial do Poder de Deus tem implantado no Estado um total de 140 templos religiosos. Desses, dois estão em Cuiabá.

Com uma pregação rebuscada, quase primária, o Santiago de Cuiabá chegou ao ponto de desafiar quem não acredita nele a ir até o templo na próxima sexta-feira, 23, quando pretende fazer muitos milagres. Ele disse que vai subir o Morro de Santo Antônio e trazer muitas bençãos do céu para distribuir entre os fiéis.

Sem esclarecer a origem do dinheiro para aquisição das propriedades na região do Vale do Rio Cuiabá, o ‘apóstolo’ Valdemiro Santiago tem abusado da estratégia de atacar o líder da Igreja Universal do Reino de Deus, bispo Edir Macedo, para desviar o foco principal da questão. Macedo é dono da TV Record, emissora que levantou a denuncia e divulgou-a no domingo – garantindo o segundo lugar na audiência do Ibope, um dos maiores picos já registrados pela emissora. Ele falou que “sacrificou sua vida” para ajudar o bispo Edir a comprar a televisão.

Em suas ponderações, o ‘apostolo’ chegou a indicar uma possível trégua na disputa entre as duas denominações evangélicas. “Eu jamais imaginei que essas coisas aconteceriam um dia” - disse Valdemiro assumindo que lutar contra a carne é se afastar do que a Bíblia prega. “Se o senhor quer me maltratar, usar a Record pode usar, mas eu vou orar por sua vida, por seus pastores”, continuou.

Esta não é, em verdade, a primeira vez que a IMPD se envolve em escândalos em Mato Grosso. Em 2010, o bispo Sidney Furlan foi expulso, acusado de truculência e lavagem de dinheiro.

Furlan expulsou da igreja o pastor Emanoel Alves, sob acusação de falta grave. Revoltado e no desespero por não ter onde morar, o ex-pastor nega ter cometido qualquer irregularidade e anuncia que, junto com outros dois que também foram "escurraçados" da Mundial, sendo eles Ailson Santos Correia e Edmiran Mendes da Silva, iriam denunciar o bispo junto ao Ministério Público.
Furlan foi acusado de promover um esquema de lavagem de dinheiro e de forçar pastores a proporcionar lucros à igreja, por meio de ofertas e dízimos, sob pena de virem a ser expulsos e ainda de serem acusados de roubo. Na época, pastores disseram que o ex-colega impôs duras regras, com orientação para "até vender tudo que possui" para, por exemplo, difundir e criar estrutura da igreja nos municípios. Disse que se a investida não for bem-sucedida, ficam no prejuízo, acabam expulsos e se vêem em condições humilhantes.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 675 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal