Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

18/03/2012 - Mídia News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Suspeito de gastar R$ 350 mil com cartões clonados é preso

Nigeriano foi detido após denúncia de funcionários de loja.

Um nigeriano foi preso nesta sexta-feira (16) em São Paulo após fazer compras com cartões clonados. Segundo a polícia, nove compras de eletrodomésticos e produtos eletrônicos feitas pelo suspeito na Zona Leste já foram identificadas – em um gasto total de R$ 350 mil.

Os cartões estavam no nome do nigeriano, mas as tarjetas eram clonadas de outros cartões usados no exterior. O suspeito foi preso em casa, na Zona Sul de São Paulo, depois que vendedores de uma loja desconfiaram das compras feitas por ele.

No mês passado, o homem foi até o estabelecimento e comprou uma TV 3D de 55 polegadas. No dia seguinte, voltou à loja e comprou outra TV igual, uma geladeira e uma máquina de lavar roupas. “Possivelmente para revender a preço mais inferior. Vamos tentar identificar algum receptador dessas mercadorias”, disse o delegado Sebastião Celso dos Santos.

A loja suspeitou e acionou a administradora do cartão de crédito, que descobriu a fraude. A polícia foi chamada, e os investigadores se passaram por entregadores. Quando o suspeito recebeu as compras, foi preso. Segundo os policiais, ele tentou subornar os agentes.

Na casa, a polícia apreendeu uma máquina usada para finalizar a produção dos cartões, além de pen drives, um HD externo e pastas com dados bancários de estrangeiros. Também foram apreendidos alguns equipamentos eletrônicos, celulares e mais de US$ 1,5 mil.

O nigeriano tinha documento brasileiro e carteira de trabalho. Ele morava no Brasil há pouco mais de dois anos, e segundo a polícia, é casado com uma brasileira e tem uma filha.

A polícia já descobriu nove grandes compras feitas pelo suspeito em três lojas da Zona Leste, em um total de R$ 350 mil. “Como tem muito cartão apreendido, nós vamos chegar a um valor superior a isso. Ele tem mais três comparsas e na sequência nós vamos identificar esses outros e vamos entender como funcionava a quadrilha”, disse o delegado.

O nigeriano disse que os cartões são dele e alegou que ganha dinheiro vendendo roupas. Ele foi indiciado por corrupção ativa, estelionato, falsidade ideológica e falsificação de cartão de crédito. A polícia disse que já pediu as imagens das câmeras de segurança das lojas onde as compras foram feitas para tentar identificar os outros suspeitos.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 141 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal