Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

16/03/2012 - Paraná Online / Banda B Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Casal de idosos que foi morar na calçada após golpe consegue casa com ouvinte

Por: Luiz Henrique de Oliveira e Tiago Silva


Após 40 anos de união o casal Ariel Batista Cordeiro e Dolores Sinben Cordeiro, de 65 e 59 anos, respectivamente, passaram pelo pior momento de suas vidas. Ao lado de seu neto de oito anos, eles estavam morando embaixo de uma lona, na avenida Fredolin Wolf, no bairro Santa Felicidade, em Curitiba, desde a tarde de segunda-feira (12). A boa notícia veio no final da tarde de hoje, durante o Jornal da Banda B segunda edição. Os três foram convidados e aceitaram ir morar com uma ouvinte, no bairro Uberaba.

O golpe

A história de tristeza do casal começou quando resolveram se mudar do Campo Comprido para Santa Felicidade. Eles foram enganados por um estelionatário que prometeu um aluguel mais baixo. Ao chegarem à nova casa pela manhã, viram que ela já era propriedade de outra pessoa. Sem dinheiro, já que haviam pagado o golpista, o casal teve que ir, juntamente com seus pertences, para a calçada da movimentada avenida.

Surpresa da vida

Dolores contou à Banda B que com 59 anos pensava só ter coisas boas pela frente. “A gente sempre espera que o melhor aconteça. Mas a vida nos pregou esta peça. Agora estamos aqui, sem ter para onde ir, sem nunca ter feito mal a ninguém”, disse ela. Emocionada, Dolores comentou que fica triste por seu neto, de oito anos. “Um menino inteligente, agora não tem como ir à escola. Eu não largo ele por nada, sou mãe e avó, desde que tinha oito meses cuido dele”, contou emocionada.

Já Ariel, que apesar da idade ainda trabalha como pintor e pedreiro, pediu ajuda. “Qualquer coisa. Um lugarzinho pra morar, não queremos nada chique. Este mês estamos sem nada, mas vamos melhorar. Sempre fui trabalhador, nunca bebi, não esperava acontecer isso. É uma tragédia”, desabafou.

A solução

Por volta das 16h30 a boa notícia veio para o casal. A ouvinte Cleusa, moradora no Umbará, convidou os idosos e seu neto para irem morar com ela. Eles prontamente e irão morar com Cleusa.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 344 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal