Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

16/03/2012 - IDG Now! / PC World Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Pinterest é terreno fértil para golpes digitais, diz Symantec

Por: Tony Bradley

Navegação do site é baseada em cliques, uma grande oportunidade para golpistas, que ganham de 1 a 64 dólares por internauta enganado.

O Pinterest bombou com a proposta de ser uma rede social de fotos. Mas cuidado fique atento, onde você clica e com os pins que você marca. A popularidade da rede não cresceu em descompasso com a quantidade de cibercriminosos, e a própria natureza do site o oferece uma boa oportunidade para os golpistas digitais.

A navegação no Pinterest é baseada em um comportamento geral desaprovado por especialistas em segurança - clicar para visualizar cada link. Os usuários “espetam” as imagens em um quadro de cortiça virtual e os seguidores clicam nas fotos para visualiza-las e também adicioná-las ao seu próprio mural.

Mas e se alguém inserir uma imagem com um link para um script ou site malicioso?

De acordo com a Symantec, um estudo mostra que os os golpes de pesquisas descobriram a maravilha do Pinterest e começaram a se aproveitar dela.

Essas pesquisas maliciosas geralmente exibem uma mensagem dizem algo como “responda nossa pesquisa em apenas 30 segundos e recebe um vale-presente de 100 dólares”. Se um usuário do Pinterest é pego por essa isca inicial e clicar na imagem, ele será redirecionado a um site e é aí que começa a “diversão” dos cibercriminosos.

Primeiramente, o scam normalmente pede que o internauta adicione a foto ao seu mural no Pinterest para acessar a pesquisa e ganhar a recompensa. Com isso, o link se propaga na rede, porque os seguidores podem confiar na informação divulgada pela vítima e assim o golpe segue seu ciclo.

O scam vai pedir que o internauta complete a pesquisa, que ele se cadastre em algum site, compartilhe informações pessoais ou alguma outra coisa que os usuários do Pinterest não precisa fazer. A Symantec disse que geralmente esses golpes estão relacionados a redes de compensação por ações (como no caso, responder a uma pesquisa). Cada internauta enganado pode gerar ao em entre 1 e 64 dólares para o golpista.

Esses ataques são novidade no Pinterest porque o próprio Pinterest é uma novidade. Mas esse conceito já é algo comum em redes como Facebook, Twitter, enfim, em toda a internet.

Bom senso: não clique em um link sem saber para onde ele vai te levar. Claro que isso merece uma atenção especial no Pinterest, já que a navegação na rede social é baseada em cliques.

Mas os internautas devem sempre agir com ceticismo e cuidado nesses casos. O sinal vermelho é quando um link te leva para um site suspeito ou pede que você compartilhe uma imagem para obter mais informações sobre alguma coisa.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 138 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal