Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

01/03/2012 - Infonet Notícias Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresário aplicou golpe de R$ 300 mil em SE

Por: Aisla Vasconcelos

Dez pessoas foram vítimas do empresário em Sergipe.

O golpe aplicado pelo empresário baiano João Fernando Gomes de Souza, de 32 anos, foi de R$ 300 mil segundo afirmou a delegada Maria Pureza Machado, da Delegacia Especial de Falsificações e Defraudações (DEFD) da Polícia Civil ao Portal Infonet. O suposto estelionatário estava com prisão preventiva decretada e foi detido na tarde da última terça-feira, 28, no bairro Atalaia.

Dos golpes aplicados nas vítimas sergipanas, um total de dez pessoas, o empresário confirmou apenas o golpe aplicado em uma sergipana que ele mantinha uma relação afetiva. De acordo com a delegada Maria Pureza, o prejuízo sofrido pela companheira de João Fernando foi em torno de R$ 50 mil.

“Ele fez diversos empréstimos no nome dela e de familiares da mesma, além de ter financiado um carro Eco Sport que deve ser devolvido ao banco, já que o empréstimo não foi pago. Das demais vítimas ele não confirmou, mas sabemos que isso ocorreu através de depoimentos prestados em Boletim de Ocorrência pelas vítimas”, afirma à delegada.

Vítimas

As vítimas do suposto estelionatário relataram ao Portal que João Fernando aplicou os golpes utilizando a boa fé de funcionários e empresários da capital. Ele levou além de dinheiro, carros e motocicletas. Para um empresário do ramo de beleza, o estelionatário aplicou um golpe de R$ 300 reais. “Ele ligou dizendo que era representante de uma empresa e que iria ocorrer um evento de uma revista empresarial. Ele veio aqui, disse que o evento custaria R$ 300 reais e me deu um recibo”, lamenta o empresário que não terá o nome divulgado.

Delegada Maria Pureza Machado

João Fernando ainda é suspeito de aplicar golpes na Bahia e no Rio Grande do Norte. O inquérito já está em fase de conclusão e o acusado continua detido na Delegacia Plantonista à disposição da Justiça. Ele vai responder pelo crime de estelionato (Obter, para si ou para outrem, vantagem ilícita, em prejuízo alheio).

Prejuízos

Quanto aos prejuízos sofridos pelas vítimas, a delegada Maria Pureza informou que a orientação é que elas procurem a Vara Cível para tentar reaver os bens através de uma ação judicial.

Casos

Os casos envolvendo estelionatários em Sergipe tem sido divulgados pelo Portal Infonet. Recentemente uma mulher foi vítima de um homem que conheceu por meio de uma rede social. Para entrar em contato com a redação da Infonet basta encaminhar email para [email protected] ou (079) 21068000.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 200 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal