Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


FALSIDADE DOCUMENTAL NOS PROCESSOS ELETRÔNICOS

Veja aqui a programação deste inédito treinamento programado para o dia 20/12 em São Paulo

Acompanhe nosso Twitter

28/02/2012 - pernambuco.com / Agência Estado Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF apura fraudes em licitações públicas federais


A Polícia Federal desencadeou nesta terça-feira, 28, a Operação Mercúrio, com o objetivo de apurar fraudes em licitações públicas federais praticadas por uma organização criminosa sediada em Juiz de Fora, em Minas. As diligências foram realizadas nos municípios mineiros de Juiz de Fora e de Ewbanck da Câmara, onde havia endereços fictícios fornecidos pela quadrilha.

Por meio de empresas constituídas em nome de laranjas, a organização criminosa realizava diversos contratos com a administração pública federal, incluindo o Poder Judiciário, o Ministério Público e órgãos da Administração Pública Federal Direta e Indireta.

Segundo a PF, foi verificado que existem contratos de prestação de serviços, com indícios de fraudes, com os órgãos IBGE, INMETRO, AGU, ANTT, GCU, Colégio Militar de Juiz de Fora, CVM, DEPEN, DNPM, DPU, HEMOBRÁS, Hospital Universitário de Dourados, no mato Grosso do Sul, Empresa de Projetos Navais, no Rio, SERPRO, Receita Federal, TST, CONAB, INPI, Marinha Mercante, Ministério do Trabalho e Ministério Público Militar.

Durante as buscas realizadas em Juiz de Fora e região foi apreendida documentação que aponta a prática de delitos como formação de quadrilha, falsidade ideológica, fraudes em licitações públicas, lavagem de dinheiro e uso de documentos falsos, entre outras irregularidades.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 124 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal