Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

24/02/2012 - D24am Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Fraudadores transferem 400 pontos para a carteira de pessoa falecida em Manaus

Por: Camila Pereira

A diretora presidente do órgão, Mônica Melo, pediu que parentes do habilitado, que vier a morrer, devem levar uma cópia da certidão de óbito ao Detran, para que a CNH seja bloqueada.

Manaus - Em auditoria realizada no inicio de fevereiro, o Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran/Am) constatou 19 habilitações fraudadas e 43 processos de transferência de pontuação para uma única pessoa já falecida. A Polícia Federal já começou a ouvir os suspeitos.

Durante coletiva à imprensa, a diretora presidente do órgão, Mônica Melo, explicou que, em um dos casos da fraudes na transferência de pontuação, uma pessoa já falecida tinha mais de 400 pontos na carteira.

"Ao todo são 43 processos, em média representam umas 40 pessoas, que registraram a passagem da pontuação em cartório, apresentando cópia da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), comprovante de residência e reconhecimento por assinatura como se o habilitado ainda estivesse vivo. Tratam-se de pessoas que já estão no limite de pontuação ou carteira vencida"

A diretora ainda solicitou que parentes do habilitado, que vier a morrer, devem levar uma cópia da certidão de óbito ao órgão, para que a CNH seja bloqueada e que não aconteçam mais fraudes do gênero.

As habilitações que sofreram fraude no processo de obtenção já foram recolhidas. "Os suspeitos fizeram todo o processo. Passaram pelo exame psicotécnico e pela etapa legislativa, mas falharam no exame de direção e mesmo assim possuem a CNH. E possivelmente foram ajudados por terceiros que abordavam o candidato e solicitavam até R$1.800,00 para a obtenção do documento".

Mônica Melo também afirmou que todas as providências serão tomadas. "Continuaremos com a auditoria, para que estas situações não aconteçam novamente. Vamos identificar, responsabilizar e as denuncias serão apuradas pela Polícia Federal. Os responsáveis serão punidos criminalmente", concluiu.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 111 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal