Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

13/02/2012 - Gazeta de Alagoas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Homem é condenado por tentar subornar policiais com cervejas

Acusado foi preso por ameaçar a esposa e por isso tentou o suborno. Além da bebida, de acordo com o TJ-PR, homem ofereceu R$ 200,00.

Um homem que reside na região sudoeste do Paraná foi condenado a dois anos de prisão e pagamento de multa por corrupção ativa. Ele tentou subornar dois policiais militares com seis garrafas de cerveja e R$ 200,00. De acordo com o Tribunal de Justiça (TJ), o homem foi preso porque ameaçou a esposa. Cabe recurso sobre a decisão, que reverteu a pena em prestação de serviços à comunidade e interdição temporária de direitos.

De acordo com o TJ, o condenado chegou embriagado em casa e ameaçou agredir a esposa. As filhas do casal acordaram e chamaram a polícia. Quando chegaram ao local, os policiais deram voz de prisão, mas o homem resistiu a prisão e tentou agredir os policiais.

A tentativa de corrupção ocorreu no camburão já a caminho da delegacia e visava, de acordo com TJ, evitar a prisão. O homem já havia sido condenado em primeira instância pela Vara Criminal do Juízo da Comarca de Pato Branco, entretanto, recorreu da decisão.

A juíza substituta em 2º grau Lilian Romero, que analisou o recurso, manteve a primeira sentença. "As declarações prestadas pelos policiais são harmônicas entre si e coerentes com o contexto e as circunstâncias em que se deram os fatos. Tais depoimentos, por isso, são dignos de crédito e são idôneos para sustentar o juízo condenatório do apelante. Ademais, a própria modalidade do delito, normalmente dirigido a autoridades e sempre praticado às ocultas de terceiros, justifica que justamente policiais sejam as únicas testemunhas presenciais e disponíveis", diz parte da sentença.

Os crime de ameaça e o de resistência à prisão foram alcançados pela sentença de corrupção ativa.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 125 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal