Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

27/01/2012 - Gospel Mais Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Pastor evangélico preso por estelionato após aplicar golpe em idoso de 83 anos

Por: Dan Martins


Um pastor foi preso em Campo Grande (MS), acusado de estelionato. Cosme Damião Gonçalves Azuága, de 52 anos, foi preso pelo Garras (Grupo Armado de Repressão e Resgate a Assaltos e Sequestros).

Cosme se apresenta como pastor de uma igreja evangélica e foi preso após aplicar um golpe em João Batista, um idoso de 83 anos, ficando com cerca de R$ 20 mil da vítima. De acordo com o portal Campo Grande News há dois anos ele teria enganado também uma mulher de 85 anos e ficado com cerca de R$ 19 mil dela.

A polícia informou que o suposto pastor se propôs a fazer a partilha da herança de João Batista, alegando que conhecia um advogado que cuidaria de toda a documentação. O delegado Roberval Rodrigues, titular do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), informou que o acusado chegou inclusive a fazer um rascunho dos documentos de partilha.

Após conquistar a confiança do idoso, o estelionatário recebeu uma procuração para movimentar seus bens. A família, desconfiada, registrou um boletim de ocorrência no último dia 20 e a Polícia constatou que havia um mandado de prisão em aberto contra ele.

Em depoimento a vítima disse não se lembrar de ter assinado uma procuração para o pastor, mas confirmou ter lhe passado seu cartão e senha bancária para a retirada de uma pequena quantia de dinheiro e que com isso o acusado “raspou” sua conta.

Durante a prisão do pastor foram encontradas quatro carteirinhas de pastor da Igreja Evangélica Pentecostal Água Viva e dados bancários da outra vítima, uma idosa que seria madrinha de casamento do acusado.

A polícia espera agora para ouvir uma possível terceira vítima. Nesse caso o pastor teria vendido uma casa da vítima e ficado com o dinheiro, se apresentando como oficial de justiça.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 152 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal