Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

12/01/2012 - Diário do Nordeste Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

´Cartãozeiro´ fuzilado ao chegar em supermercado


Uma sequência de tiros assustou os clientes e funcionários de um supermercado e as pessoas que saíam de um hospital particular, ambos localizados na Avenida Santos Dumont, no Papicu, no começo da noite de ontem. Os disparos foram endereçados a um homem que tinha acabado de chegar no supermercado em um Gol preto, quatro portas, de placas NQT-3050. O ´alvo´ dos atiradores acabou sendo atingido com vários tiros de pistolas calibre 380 e Ponto 40, e morreu na calçada do supermercado.

Várias viaturas do Ronda do Quarteirão e do 8º Batalhão (Aldeota), foram acionadas para atender à ocorrência. Uma ambulância do Samu também foi acionada, mas quando os socorristas chegaram no local logo constataram que a vítima já estava morta.

Cartãozeiro

O homem morto tinha nos bolsos a quantia aproximada de R$ 5 mil em espécie (tudo em notas de R$ 50,00 e R$ 100,00 novas), vários cartões de crédito com as respectivas senhas anotadas em pequenos pedaços de papel e, ainda, uma passagem de ônibus com data de embarque para hoje (12) com destino à cidade de Novo Oriente (a 397Km de Fortaleza). Ainda no local do crime, o morto foi identificado como sendo Cláudio Araújo Galvão, 42.

Cláudio Araújo Galvão, o ´Marinheiro´ ou ´Pirão´, era um dos ´cartãozeiros´ mais conhecidos da Polícia do Ceará, autor de pelo menos, três assassinatos (executava seus concorrentes). e que já havia sido condenado a sete anos de prisão pela tentativa de assassinato contra três pessoas. Era comparsa do também ´Cartãozeiro´ Luiz Mário Alves Bezerra, chefe de uma organização criminosa desarticulada pela Polícia Federal, Justiça Federal e Ministério Publico no Ceará entre os anos de 2002 e 2006. Luís Mário foi executado, com mais de 15 tiros, dentro de um bar, na localidade Pasta, em Solonópole, no dia 11 de novembro de 2007. Ontem, foi a vez de ´Marinheiro´ ou ´Pirão´.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 930 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal