Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

05/01/2012 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia apreende mais de 200 folhas de cheque roubadas no DF há 3 anos

Por: Humberta Carvalho

Homem de 42 anos foi preso em uma casa de Goiânia nesta quinta-feira (5). Folhas foram usadas em Goiás, Santa Catarina, Minas Gerais e São Paulo.

Um homem de 42 anos foi preso na tarde desta quinta-feira (5), em Goiânia, suspeito de estelionato. Segundo o titular da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), Odair José Soares, agentes o flagraram com mais de 200 folhas de cheque, roubadas há três anos em um colégio particular de Brasília (DF).

O suspeito acabou detido na Vila São José, quando a Polícia Civil investigava uma denúncia de tráfico de drogas. Ele e um suposto traficante alugaram um quarto em uma casa do setor e, quando saiam da residência, foram abordados. Policiais encontraram com o traficante uma porção de cocaína e o liberaram, após assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Com o suspeito de estelionato foram encontradas 100 folhas de cheques originais em branco. Na casa, a polícia identificou outras 111 folhas, sendo que 68 delas estavam preenchidas com valores de R$ 100, R$ 200 e R$ 250. Ao entrar em contato com o banco, a polícia recebeu a informação de que as folhas haviam sido roubadas no DF. Segundo o delegado Odair José, na época do roubo a ocorrência foi registrada, mas, devido a grande quantidade de cheques levada, o banco deixou de bloquear muitas folhas.

Odair José informou que os cheques roubados no colégio de Brasília já foram usados em outras cidades goianas como Trindade, Jussara, Inhumas, Edealina, Nerópolis e Anápolis. A polícia investiga o uso deles também em outros estados brasileiros como Santa Catarina, Minas Gerais e São Paulo.

O suspeito foi autuado em flagrante. “Ele fala que não tem envolvimento com o roubo e que comprou os cheques de outra pessoa. Esse homem é um estelionatário contumaz, aquele que pratica fraude reiteradamente”, explica o titular da Denarc.

Reincidente

O homem já responde por estelionato em Paraúna, Senado Canedo, Luziânia e Goiânia. Em Brasília, ele já foi condenado pelo mesmo crime e cumpre pena em regime semiaberto. Agora a polícia vai investigar se ele tem algum envolvimento com o roubo dos cheques.

“Ele [suspeito] vai ficar preso na Denarc e nós vamos localizar mais vítimas para saber dimensão dessa situação e os prejuízos que foram causados”, explica o delegado Odair José. Posteriormente, o homem será levado para a Casa de Prisão Provisória.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 128 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal