Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

24/12/2011 - O Regional Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Careca diz que recebeu denúncia de fraude na aquisição de remédios da farmácia popular


O vereador Francisco Batista de Souza (PDT), o Careca, protocolou ontem na Câmara Municipal um requerimento solicitando cópias das notas fiscais e empenhos da prefeitura de Catanduva relacionadas a aquisições de remédios destinados a Farmácia Popular.

O parlamentar disse que recebeu em seu gabinete duas pessoas que fizeram a denúncia, que alegam que existe fraude na Lei de Licitações (Lei Federal 8.666/93). “A aquisição de remédios para a Farmácia Popular deve seguir o que determina a Lei. Vamos investigar. Já que a administração prega pela transparência, solicitei os documentos relacionados às compras dos medicamentos”, disse Careca à reportagem de O Regional.

No documento protocolado na Câmara, o parlamentar solicita ao prefeito Afonso Macchione Neto (PSDB) cópias dos empenhos e notas fiscais da aquisição dos remédios de 2007 a 2011. “É cedo para qualquer tipo de acusação. O mais importante, neste momento, é aguardar os empenhos da prefeitura. Vamos apurar este denúncia com muita cautela”, disse o vereador do PDT.

Postão – Careca também protocolou ontem um requerimento solicitando informações sobre o atendimento médico feito no Posto de Saúde José Perri, o conhecido Postão, localizado na rua Pará, 03.

“De acordo com informações recebidas, há um grande desleixo por parte dos médicos, que muitas vezes, sem motivo algum, deixam os pacientes aguardando na sala de espera. Ademais, segundo informações de uma paciente, os médicos ficam ministrando conversas paralelas em suas salas, enquanto deveriam estar prestando serviços de alta qualidade aos enfermos”, diz o vereador.

Visando investigar a denúncia feita por moradores que frequentam o local, o parlamentar questiona, via requerimento, quem são (e quantos são) os médicos que prestam serviços no Postão, qual a carga horária a ser cumprida pelos médicos, se os médicos são profissionais concursados ou estão prestando serviços via contrato com empresa de saúde e qual o valor dos vencimentos salariais recebidos pelos profissionais.

Como o requerimento foi protocolado na Câmara no período do recesso parlamentar, o documento será lido em plenário somente em fevereiro, quando o Legislativo retorna com suas sessões.

O vereador Careca é o presidente da Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Câmara de Catanduva que apura possíveis irregularidades na saúde pública municipal. A comissão é chamada de CEI da Saúde.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 130 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal