Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

14/12/2011 - Mídia News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Rombo com carta de crédito pode chegar a R$ 253 milhões

Esquema envolve funcionários da Secretaria de Fazenda do Estado

O rombo com a emissão fraudulenta de cartas de crédito, em Mato Grosso, pode chegar a R$ 253 milhões, num esquema que envolve servidores estaduais, advogados e agentes políticos.

Esse valor foi emitido a mais, através de fraudes, num processo de emissão de R$ 633 milhões totais a 290 fiscais do Estado.

A informação é do delegado Lindomar Tofolli, da Delegacia Especializada em Crimes Fazendários e Contra a Administração Pública, da Polícia Judiciária Civil, durante entrevista coletiva, na tarde desta quinta-feira (14).

O policial comandou a Operação "Cartas Marcadas", que investiga um esquema de falsificação no processo do pagamento de certidão de cartas de créditos de um grupo de agentes fazendários, em Mato Grosso.

As investigações, que começaram em julho deste ano, culminaram com a deflagração, na manhã desta quarta-feira (14), da operação, com o cumprimento de 14 mandados de busca e apreensão e seis de prisão temporária.

A ação policial ocorreu nas cidades de Cuiabá, Várzea Grande, Torixoréu, Chapada dos Guimarães, e Ribeirão Preto, no Estado de São Paulo.

Segundo a Delegacia Fazendária, ao tomar conhecimento do crime, o governador Silval Barbosa determinou que a Auditoria Geral do Estado fizesse levantamento detalhado de cartas emitidas. Constatadas as irregularidades, ele determinou a suspensão dos pagamentos.

Todos os mandados de busca e apreensão já foram cumpridos pela Polícia Civil, mas, segundo o delegado, os nomes dos envolvidos não podem ser divulgados, tendo em vista que, por decisão do juiz Pedro Sakamoto, o caso está sob "segredo de Justiça".

Três dos seis mandados de prisão foram cumpridos. Os outros três suspeitos deverão se apresentar amanhã à polícia.

Durante as investigações, a Polícia constatou uma série de erros na emissão de cartas de crédito. Foi emitido em papéis o total de R$ 633 milhões, mas isso não significa dizer que todo esse valor foi quitado, uma vez que há o processo de compensação de crédito.

Durante a deflagração da operação, a Polícia Fazendária apreendeu vários documentos, que ainda serão analisados pela perícia técnica.

Segundo o delegado Tofolli, seriam devidos aos agentes fazendários, pelo menos, R$ 380 milhões, mas foi emitido um total de R$ 253 milhões a mais, com o processo fraudulento.

PGE e SAD sob suspeita

Durante a entrevista coletiva, o delegado Tofolli disse que a Polícia Fazendária está investigando a possibilidade de a Procuradoria Geral do Estado e a Secretaria de Estado de Administração (SAD) estarem diretamente envolvidas com as fraudes no pagamento das cartas de crédito.

Segundo ele, a PGE será intimada a explicar alguns pareceres recomendando o pagamento de cartas de créditos consideradas suspeitas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 130 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal